terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Follies Of Love 27º (Tome Starbucks, ai você se acalma.)


 Saímos da cachoeira porque estava quase escurecendo, quando chegamos perto de casa, ouvi Mari nos gritar.

Mari: LAAAARI! JUSTIIIIIIN!

Lari: Estamos aqui, Mari. - disse alto.

Mari: OMG' onde estavam?

Justin: É, eu também não sei... - ele disse e riu.

Mari: Haha' me poupe das suas gracinhas!

Lari: Hey Mari! Não é só porque aqui é a casa da sua avó que você tem que tratar o Justin desse jeito.

Justin: É, garota! O que eu fiz pra você?

Mari: Bateu no meu primo? - ela disse encarando ele.

Justin: Ele mereceu!

Lari: TÁ BOM, pra que você estava me chamando?

Mari: Ah' foi minha avó que mandou eu chamar vocês! Pra jantar.

Justin: Pode ir indo, a gente já vai. - ele disse e ela entrou - Onde é seu quarto?

Lari: Lá dentro, com certeza! - disse e ri.

Justin: Então vamos! - ele pegou em minha mão e entramos. Chegamos no quarto, entramos e ele se sentou na minha cama - Será que cabe nós dois aqui?

Lari: Você ta me chamando de gorda? - disse encarando ele.

Justin: Não, não! Ficou maluca? Eu só fiz uma pergunta. - ele me olhou assustado.

Lari: Você quis dizer que a cama é pequena ou que eu sou grande?

Justin: Eu não quis dizer nada. Só fiz uma pergunta. E... você não é gorda. - ele disse e abraçou minha cintura.

Lari: Eu sou o quê, então? - disse com  um olhar malicioso.

Justin: Você... é... gostosa! - ele disse sorrindo.

Lari: Gostosa? É melhor do que gorda. - disse e nós rimos.

Justin: Muito melhor...

Lari: Ai, vamos jantar ou não? - me afastei.

Justin: Vamos! Mas e depois?

Lari: Tomar um banho.

Justin: Juntos? - ele me olhou com uma cara esquisita.

Lari: Você que sabe. Aliás, a água é gelada! Prefere tomar banho sozinho ou comigo?

Justin: Não sei, qual é sua opinião?

Lari: HELLO, quem tem que escolher não é eu e sim você.

Justin: Que tal e gente ir jantar e depois resolvemos esse assunto? - ele se levantou.

Lari: Okay, se você quer assim. - disse e saímos do quarto. Jantamos. Mais uma vez, sem carne! É por isso que eu amo essa família ^.^ Terminamos, eu e Justin fomos pro quarto, pegamos nossas coisas a mais uma vez veio aquele assunto.

Justin: Vai querer tomar banho sozinha?

Lari: É melhor, não acha?

Justin: Não, não acho! Se tomarmos banho juntos, economiza água. - ele disse e riu.

Lari: Disso você tem razão, mas nós nem temos tanta intimidade um com o outro pra tomarmos banho juntos.

Justin: TÁ, eu não quero te forçar a tomar banho comigo. Você toma se quiser. - ele disse se deitando na cama.

Lari: Você não vai ficar chateado se eu ir tomar banho sozinha?

Justin: Bobagem. Claro que não! - sorriu.

Lari: Então eu to indo! Não demoro. - disse e sai do quarto, fui até o banheiro, tomei um banho rápido e coloquei meu Baby doll, sai do banheiro e fui pro quarto - Pronto, Justin! Já pode ir. - disse me sentando na cama.

Justin: Nossa, sério que eu vou dormir com você assim? - disse com um sorriso malicioso e se sentou na cama.

Lari: Que Justin safado é esse? Eu não o conheço! - disse rindo.

Justin: Já já eu te apresento ele. - ele se levantou, pegou suas coisas e saiu do quarto, Mari logo entrou.

Lari: Onde a senhorita estava?

Mari: Não interessa! - ela disse se deitando na cama. Eu odeio quando ela me trata assim.

Lari: Você vai falar comigo direito ou prefere que eu ajude o seu pai à matar o Guilherme? - disse com um tom de ameaça.

Mari: - ela olhou pra mim incrédula - Eu estava lá fora olhando pro céu! - disse toda emburrada.

Lari: Por que você está assim ?

Mari: Seu namorado bateu no meu primo!

Lari: Mari, o meu namorado é o nosso ídolo, esqueceu?

Mari: Não! O nosso ídolo é o Ronaldo Fenômeno, esse sim é o nosso ídolo.

Lari: Olha, o Mario me beijou, o que você queria que acontecesse?

Mari: TUDO! Menos briga.

Lari: Você vai ficar culpando o Justin até quando? A culpa foi do Mario que provocou feio o Justin.

Mari: Tá, parei! Vamos ficar em paz, aliás, amanhã vamos embora juntos.

Lari: É, e  a Karina vai pra Sampa?

Mari: Vai sim! Amanhã mesmo com a gente.

Lari: Uhul! Mari, eu lembro que você me disse que a Karina ia pra São Paulo quando terminasse os estudos.

Mari: É, isso foi um erro meu, ela terminou os estudos ano passado.

Lari: E você também! Mas por que não faz uma faculdade?

Mari: Meu pai quer que eu trabalhe com ele, disse que eu vou ser sua secretária.

Lari: AH' então é melhor pra você!

Mari: Não é não, meu pai vai ficar mandando eu fazer uma coisa atrás da outra e depois vai ficar bravo, ele é assim.

Lari: Tome Starbucks, ai você se acalma. - eu disse e ela riu.

Mari: Ai Lari, só você mesma! - ela disse deitando na cama e se cobriu - Boa noite.

Lari: Boa noite! - disse e o Justin entrou no quarto, ele estava com uma calça moletom cinza e uma camisa branca - Hum... já? - disse olhando pro Justin e sorri.

Justin: É, já! - ele guardou suas roupas e veio em direção á cama, se sentou na minha frente e me deu um selinho demorado - Está com sono? - ele disse acariciando o meu rosto.

Lari: Não... você está? - sussurrei.

Justin: Mais ou menos. - sussurrou - Vem! - ele se deitou na cama me fazendo deitar também, nos cobriu e eu coloquei a cabeça em seu peito - Lembra da última vez que eu te fiz dormir?

Lari: - olhei pra ele e sorri - Lembro! Faz de novo? - fiz bico.

Justin: Com muito prazer. - ele sorriu e ficou fazendo cafuné na minha cabeça, eu dormi rapidinho.

Continua! com 3 comentários...

2 comentários:

O que achou? Comente! Faz bem pro coração da escritora, e também não vai quebrar seu lindo dedo, né?