quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Aviso

Gente !
     Eu não vou postar o próximo capitulo amanhã.

      Só terça - feira, e até lá eu quero pelo menos 7 comentários tah gente!


   Amu Voocs!       E obrigado por lerem meu #IB 

A michely dedico a @Michely_Bieber

capitulo 8

Nós entramos no orkut, msn e twitter. Eu fui ver o q o justin tinha escrito no twitter (estva assim)

@marnabieber   Amo ela muito! Ela é a ùnica pessoa que tem na minha vida. Mari Eu Te Amo  @justinbieber
     Então eu dei reply escrito:
@justinbieber  Juss tbm te amo muito. Vooc é o menino que mecheu com  meu coração.  juss: you is my life
@marnabieber

 Lorrane: Nossa mana! O justin é mt fofo.
Mari: É mana! Aaaaaaaah!
Lorrane: Q foii?
Mari: Preciso te contar uma coisa q aconteceu cmg e com o juss!(disse isso saindo do notbook)
Lorrane: Conta mana to anciosa pra saber! ( ela disse sentando na cama)
Mari: Ain... Eu não como vou falar isso, mas eu tranzei com o justin! (meio envergonhada)
Lorrane: Mentira! (soriindo).
Mari: Dãrn! Se fosse mentira eu  não taria falando iso neh!
Lorrane: Nossa é msmo! Mas me conta como foii? (curiosa)
Mari: Ah sei lá! ( suspense)... Foiii mt mais mt bom mana! (risos) Oo justin foii mt gentil cmg.
Lorrane: Ah! q bom maninha. (dando um sorriso bem largo)
Mari: Mana! Que tal a gente fazer uma festa sexta - feira a noite? Pra comemorar a sua chegada?
Lorrane: Mana! não precisa.
Mari: Claro q precisa!
Lorrane:Tá bom! mas eu nunca fiz uma festa.
Mari: Não se preocupa! eu cuido de tudo.(Eu disse isso pulando de felicidade)
Lorrane: Tá bom.
    Então eu fui logo ligando pra todos e já tinha combinado que a festa seria na minha casa. Derepente, eu me lembro que tinha uma pessoa pra convidar. Era a minha amiga de infância, ela não morava mt longe então eu fui ligar pra ella.
------------------------Ligação--------------------------
Mari: Alô!
X: Alô! Quem é?
Mari: Miih! Sou eu a Marina.
Michely: Mari, Ain que saudade!
Mari: Eu tbm to com mt saudade amiga!
Michely: Então, fala! o que quer?
Mari: Bom... Eu vou fazer uma festa na minha casa, pq minha maninha acabou de chegar do Brasil e eu queria te convidar. Vooc pode vir?
Michely: Claro amiga! Mas é q dia?
Mari: É sexta - feira a noite.
Michely: A tah! Olha eu vou chegar ai de tarde!
Mari: Tá! mas por que? (curiosa)
Michely: Ah! vooc sabe como eu gosto de festas neh? Então eu vou te ajudar a organizar ela tá bom? (feliz)
Mari: Tá bom amiga! tchaulll!
Michely: Tchaulll amor! ( Eu desligo o celular )
Lorrane: Vooc tava falando com quem?
Mari: Com a Michely, minha amiga de infância!
Lorrane: Ah! Vooc Não vai me trocar por ella não né? (com ciúme)
Mari: Claro que não mana! Esqueceu? irmãs pra sempre!
Lorrane: Não esqueci tah! Mas vooc chamou o justin para a festa? (Mudando de assunto).
Mari: Claro que eu chamei! Meu gatinho foii o primeiro!
Lorrane: Hum...(risos). Vooc vai me ajudar com o Ryan né?
Mari: Claro amiga! A suzana tbm tá a fim do Chaz. Vou ser cupido de duas pessoas. (risos)
Lorrane: Nossa mana! E a Carol não tá a fim de ngm?
Mari: A Carol não liga muito pra essas coisas de namorar!
Lorrane:...

      Então  Anoitece e eu durmo na casa da Lorrane, mas antes é claro que eu ligo para o justin, eu não queria deixar ele preocupado. E nós durmimos, e logo amanhece  e temos mais um dia tenso de aula. ( Esse dia era quinta feira) Eu acordei primeiro e fui chamar a Lorrane, ela acordou e foii tomar banho e eu tbm. Nós fomos nos arrumar e ficamos asiim > > > > > (ignorem a cara das duas





Oo justin chegou lá em baixo e ficou buzinando com o carro, então ele resolve me liga:
Juss: Alô!
Mari: Alô justin!
Juss: Siim sou eu! vooc não vai amor?
Mari: Claro que vou! já estou descendo com a Lorane. amor tchaulll, Beijos!
Juss: Tchaulll! (Ele desliga o celular e logo me vê na porta do carro). Nossa vooc é rápida! (dando - me um selinho)
Mari: É eu sei! Vamos?
Juss: Vamos! Oi, Lorrane! (Ligando o carro)
Lorrane: Ooii justin!
         Então nós chegamos na escola e entramos na sala, por que estávamos muito atrazado. A professora chegou depois que nós sentamos.
Professora: Bom dia gente!
Todos: Bom dia! (com muita cara de sono)

      E lá se foii várias horas de aula. Acabou todas as aulas e eu fuii direto pra casa com o justin. Eu tava morrendo de cansada, e o justin só queria me beijar. Eu entrei em casa e vi meu pai assistindo TV e minha mãe do lado:
Juss&Mari: Oi gente!
Pai&Mãe: Oii!
Mari: Mãe! Eu vou subir eu to morrendo de cansada. Ah! Depois eu tenho que falar com voocs tá?
Mãe&Pai: Tá Filha!
Juss: Vamos subir amor? (perto da escada)
Mari: Tá juss!
Pai&Mãe: ...
       Eu entrei no meu quarto com o justin me beijando. Eu pulei na cama de tão cansada e disse:
Mãe: Justin! eu vou tomar banho.
Juss: Tá bom! Posso ficar mechendo no seu notbook?
Mari: Pode! Mais não é pra ver as minhas fotos!
Juss: Tá bom!
          Eu entrei no banheiro e fiquei pensando como seria a festa, pq eu ainda ia pedir para os meus pais. Mas tinha certeza q elles iam deixar. Eu fiquei quase 1 hora no banheiro. Mas eu sai logo porque eu ouvi o justin dando várias gargalhadas. Eu sai do banheiro de roupão e disse:
Mari: Justin o q eu disse? ( colocando a mão na cintura e olhando pra ele ).
Juss: Ain amor! não fica brava. aki só tem foto minha.
Mari: Então pq vooc tá rindo?
Juss: Por causa desses comentários que voc colocou! ( Eu tinha colocado: Justin meu divo, Uiiii ki gatoh, Meu Deus ki sdç, Tô sem folego! )
Mari: E o q que tem? ( dando um selinho nele )
Juss: Não tem nada! Eu só tava rindo.
Mari: Tá! vai fica ai mechendo que eu vou trocar de roupa.
Juss: Táh! ( Ele deitou na cama e ficou mechendo no notbook, as vezes ele ficava fazendo cara de safado olhando pra mim).
    Eu troquei de roupa e chamei o justin  pra ele me ajudar a fazer os meus pais deixar eu fazer a festa aki em casa.
Mari: Mãe, Pai!
Pai&Mãe: Que foii?
Mari: É mt importante! Eu queria fazer uma festa aki em casa. Posso?
Mãe&Pai: ...



quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

capitulo 7

Mari:Tá bom juss! vou ligar.
-----------Ligação-------------
Mari: Alô! Pai.
P: Alô! Filha vooc me deixou preocupado!
Mari: Não fique eu estou com o justin!
P:Tá! mais tá mt tarde pra vooc vir embora sozinha.Pq vooc não dorme ai?
Mari: Tá pai! Eu vou ver aki. tchaull
P: Tchaull filha!(eu desligo o celular e o justin logo quer saber o que ele disse).
Juss:O q elle disse amor? ( disse curioso)
Mari:Ele perguntou se eu não posso dormir aki.
Juss: Claroq  pode! Mas vou ter q perguntar pra minha mãe! Fica fica ia tá amor? (ele ddiz isso descendo as escadas).
Mari: Tá juss.
Juss: Mãe! A mari pode dormir aki?
Pattie: Claro q pode juss!
Juss: MARI! ELA DEIXOU! ( ele diz isso gritando).
Mari: TÁ BOM JUSS! (eu tbm disse isso gritando, mas o justin quase q fica surdo pq elle estava perto da porta do quarto).
Juss: Precisava gritar? (ele diz entrando no quarto)
Mari: Eu pensei, se o justin gritou vou devolver o grito.
Juss: Tá! Mas é melhor a gente ir dormir.
Mari: É msmo.(Eu disse isso deitando na cama)

        Nós fomos pra cama e dormimos, o justin deitou e ficou fazendo cafuné na minha cabeça.  Logo ele tbm dormiu, e tbm amanheceu rápido. O justin acordou primeiro do que eu, e foi me chamar.
Juss: MARI! ACORDA(gritando)
Mari:Tá bom juss! o q vooc quer? (ainda sonolenta)
Juss:Nós temos que ir pra escola, ou vooc esqueceu?
Mari: Ah! é msmo, a escola. (Eu disse isso indo me arrumar, pra ir pra escola)
Eu estava assim  > > > > > (ignorem a cara da Demi)


E o justin assim > > > >

    O justin ficou lá em baixo buzinando toda hora, então eu desci e entrei no carro e o justin disse:
Juss: Nossa voc tá linda!
Mari:Obrigada! (Disse isso dando um beijo mt apaixonante nele)
Juss: Tá! Vamos?
Mari: Vamos!
  Nós chegamos na escola, e eu fui logo conversar com minhas amigas, e o justin com os meninos.
Mari: Oi Carol!
Carol: Oi Mari!
Mari: Tudo bem com vooc?
Carol: Claro amiga! Eaeh! como tá vooc e o justin?
Mari: Nós estamos ótimos!
Carol: Que bom!
Mari: Amiga! Olha esse táxi.
Carol: Nossa! Quem será que está lá dentro?
Mari: Eu não sei, mas vou descobrir. ( Uma pessoa sai do táxi e eu fico paralizada) Aaaaaaaaaaaaaaaah! Mana!
X: Maninha! Quanto tempo!
Mari: Nossa! vooc tá Linda Lorrane.( Ela estava assim > > > > >  Ignorem a cara da Miley)
Lorrane: Obrigada mana!
Mari: Di nada. Mas como vooc veio parar aki? (TRADUÇÃO: Eu morava nos EUA)
Lorrane: Eu fui para São Paulo! Então não te encontrei lá no seu prédio, o síndico disse q vooc tinha se mudado, e eu perguntei onde e ele disse q para os EUA.
Mari: Nossa! Vooc chegou quando?
Lorrane: Ontem á noite!
Mari: Nem pra me ligar né?
Lorrane: Mana. Eu tava morrendo de cansada, o q vooc queria q eu fisesse?
Mari: Tá bom! desculpa.
Lorrane: Não precisa. Quem é sua amiga?
Mari: Ah! Essa é a Carol.
Lorrane: Oi Carol!
Carol: Oi Lorrane!
Mari: Ain Amiga eu tava com tanta saudade!(Eu disse isso dando um abraço super forte nella). Vooc quer conhecer o justin?
Lorrane: Claro!
Carol: Vooc vai adorar elle!
Mari: Ér... é
Lorrane: Nossa! Que gato é esse?
Mari&Carol: Qual? ( Disse olhando para os meninos)
Lorrane: Aquele que acabou de olhar pra cá!
Carol&Mari: Ah! O Ryan?
Lorrane: Sei lá! Mais é um gato.
Mari&Carol: Hum...(risos)
   Nós vamos até o justin  e eu disse:
Mari: Oi justin!
Juss: Oi Mari!
Mari: Juss! Eu vim te apresentar a minha maninha.
Juss: Como assim? Pq vooc não me disse q tinha uma irmã?
Mari: Juss! Deixa eu explicar? Eu considero ela como minha irmã! entendeu?
Juss:Ah Tá! Tendi. Oi! Qual é o seu nome?
Lorrane: Meu nome é Lorrane!
Juss: Prazer!
Lorrane: O prazer é todo meu!
Mari: Menino, essa aki é minha maninha!
Carol:...
Chaz&Ryan: Oi Lorrane!
Lorrane: Oi!
Mari: Vamos pra sala?
Todos: Vamos né!
  Nós fomos pra sala, pq era a msma. O justin sentou atrás de mim com os meninos, a Lorrane sentou do meu lado e a Carol do outro. A gente ficou só de papo até essa  aula acabar, quando acabou nós fomos  para a sala da aula de história. E acabou, fomos pra outra sala da aula de Inglês. Essa aula tava tão chata que demorou mais do que eu queria, mas é claro fiquei conversando até a aula acabar. ALELUIA! INTERVALO! Chegou o Intervalo.     E estava  Eu, Lorrane, Carol, Suzana, Justin, Chaz e Ryan. Na mesa.
  O  Chaz ficava toda hora olhando pra suzana e o Ryan tbm só ficava olhando pra Lorrane e o justin ficava mandando beijo pra mim toda hora, pq as meninas estava de um lado da mesa e os meninos do outro.
Carol: Gente! È melhor eu ir, já sei q to pagando vela.
Mari: Como assim?
Carol: Nada não! É melhor eu ir.
     Bateu o sinal e todos foram pra sala de aula , e então o resto das aulas acabaram e eu fui pra casa da Lorrane. O justin tbm queria ir, ele disse que não conseguia ficar longe de mim. Mas eu disse que qando eu sair de lá eu ia ligar pra casa.
Mari: Nossa Mana!  Sua casa é linda.
Lorrane: É né! Vamos para o meu quarto?
Mari: Claro vamos! (Eu disse isso subindo as escadas com ela).Maninha, seu quarto é lindo!
Lorrane: vooc gostou? (sorrindo)
Mari: Eu amei!
Lorrane: Vamos mecher no Notbook?
Mari: Vamos!
    Nós entramos no orkut, msn e twitter. Eu fui ver o q o justin tinha escrito no twitter (estva assim)

@marnabieber   Amo ela muito! Ela é a ùnica pessoa que tem na minha vida. Mari Eu Te Amo  @justinbieber
     Então eu dei reply escrito:
@justinbieber  Juss tbm te amo muito. Vooc é o menino que mecheu com  meu coração.  juss: you is my life
@marnabieber


Então gente gostaram?  Então comentem por favor! Se tiver 5 comentários eu posto o próximo capitulo.





  

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

AVISO IMPORTANTE!

Gente eu não consegui postar o capitulo 8 eu fiquei o dia inteiro postando

E qando eu vou publicar a postagem, fica escrito q não dá pra publicar esta postagem.

Eu fiquei morrendo de raiva! Mais agora não dá pra postar pq eu vou sair do Pc

Amanhã eu posto se não acontecer a msma coisa!


Então gente gostaram do novo design do blog?

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

GENTE NÃO VAI DAR PRA POSTAR O CAP.7 HOJE!

PORQUE NUM DÁ MESMO!

EU POSTO AMANHÃ O PRÓXIMO CAPITULO.

OBRIGADO POR LEREM MEU #IMAGINE BELIEBER!

AMU VOOC'S!

sábado, 25 de dezembro de 2010

Comunicado!

Gente não vai dar pra postar a continuação hoje e nem amanhã, pq eu vou sair. Mas se der eu continuo amanhã.

E então eu vou postar a continuação segunda feira. Obrigado pessoal

E por favor comentem, eu não sei se voocs estão gostando.
Bjs!

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

capitulo 6

J: Tá bom!

Então nós subimos as escadas, qando chegou no corredor o justin ficou me beijando até nós entrarmos no quarto, mas eu não queria q a Pattie pensase algo ruim de mim. Então eu dei um Block no justin e disse:
Mari: Justin!
J:Q foi Mari?
Mari: Justin aki não dá, a sua mãe tá ai, o que ela vai pensar de mim? A gente tem q estudar!
J: Mari calma! minha mãe não vai pensar nada, eu já tive várias namoradas e até agora nada!(risos).
Mari:Justin! é serio eu não tô brincando, e é melhor a gente estudar!

Nós ficamos a tarde inteira estudando, as vezes nós nos beijavamos um pouquinho. Então a Pattie entra no quarto e diz:
Pattie: Justin!OWN! desculpa eu atrapalhei alguma coisa?
J: Não se preocupe mãe, então pode falar!
Pattie:É q eu fiz um lanchinho pra voocs!
J: Tá mãe! A gente já desse, daqui a pouco tá?
Mari:...
Pattie: Tá bom filho! Eu vou na casa de uma amiga tá bom! Fique ai com ela, e não faça nada de ruim tá justin?
J: Tá mãe!(ele disse isso olhando pra mim com um sorriso malicioso)

Então qando a Pattie saiu eu e o justin fomos lá em baixo para comer o lanchinho q ela tinha feito, o justin só ficava me beijando qando a gente tava descendo, então a gente foi lá pra cima depois q a gente terminou de comer, o justin continuou me beijando qando a gente tava subindo então eu disse:
Mari: Justin! tá bom!
J: Pq?
Mari: Eu to ficando sem fôlego!
J:É eu tbm, vamos parar um pouquinho.(passam 1 minuto) Tá vamos continuar!
Mari: Justin! não se passou nem um minuto sem fôlego.
J: Eu sei q vooc tava gostando!
Mari: Claro q eu tava gostando, quem é q não ia gostar desses seus beijos deliciosos(eu disse isso olhando pra boca dele e ficando totalmente sem poder o q fazer, o justin tava me deixando excitada).Ain! justin me beija?
J: Tá...(ele diz isso olhando pra mim e vindo me beijar ) com prazer!
Nós ficamos lá se beijando, o nosso beijo foi ficando mais HOT e o justin foi tirando a camisa, e eu fui tirando a minha e nós estavamos totalmente nús. Eu colocava meu dedos entre os cabelos do justin, e ele ficava gemendo e depois eu,então depois dessa tarde totalmente hot nós adormecemos. E qando acordei estava de noite, eu fui acordar o justin. Mas qando eu olhei para o lado estava ele olhando para mim, eu levei um susto pq eu estva distraida. E eu disse:
Mari: Justin! Nossa!Me Deu um susto!
J: Calma Mari, fica calma eu acordei, e fiquei olhando pra vooc, mas vooc nem percebeu eu olhando pra vooc q qando olhou pra mim levou um susto!
Mari:Tá desculpa amor! É pq eu olhei pra janela e já é de noite. Eu tenho q ir embora justin!
J: Calma! eu vou perguntar pra minha mãe se vooc pode dormir aki comigo!
Mari: E eu tenho q perguntar pra minha mãe e pro meu pai!
J: Tá liga pra ele ai!
Mari:...

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

capitulo 5

Mari:É então vamos?
j: Claro Amor vamos logo, temos q deixar seu pai ai sozinho né?
Mari: É vamos logo!

Então nós fomos para o quarto se beijando, nós entramos e eu fecho a porta com o pé, então o justin me jogou na cama e ficou me olhando de cima até em baixo.
Mari:Que foi justin vai ficar ai me olhando?( Eu disse isso pegando na argola da camisa dele e puxando-o)
J:Nossa! Eu num consigo gostosa! vooc me deixa excitado.(ele diz isso me agarrando e me beijando loucamnete)
Mari: Então vem logo! gostoso.(eu disse isso puxando ele pra cama e beijando ele todo).
Nós ficamos lá se beijando até q o justin diz:
J: Amor, eu tenho que ir pra casa tá tarde!
Mari:Tá amor mais amanhã vooc vai pra escola né?
J:Claro q eu vou nunca vou perder vooc de vista!
Mari: Tá bom seu bobo!
J: Tá eu tenho q ir, tchaull.(diz isso dando-me um beijo)
Mari:Tá amor!tchaulll te vejo amanhã na escola delicia!(eu disse isso dando um selinho nele).
Então o justin foi embora, e eu fui para o meu quarto e coloquei o meu pijama, e deitei na cama mas não conseguia dormir, fiquei pensando no justin a noite inteira, então eu adormeci e quando acordei era 6:00 da manhã, eu levantei da cama e logo ouvi meu celular tocar, era o justin.
Mari:Alô!
J: Alô, Mari é vooc?
Mari: Não, desculpa vooc errou o número. Claro q sou eu né justin! Não reconheceu minha voz pq?
J: Ah! Sei Lá eu pensei q fosse sua mãe.
Mari: Tah Bom! Por que vooc ligou? são só seis horas da manhã!
J: Eu liguei pra dizer q estou com saudades, e q eu vou te levar pra escola hoje tá?
Mari:OWN! tá bom né. É melhor eu ir pq eu tenho q ir pra escola né justin!
J: Tá bom amor daqui 30 minutos eu to ai tá beijos!
Mari: Tá bom amor beijos!
Então eu desligo o celular e vou me arrumar pra ir pra escola, eu termino e já são 06:30 e o justin buzina lá fora com o carro, então eu desso as escadas e entro no carro e o justin diz:
J:Vamos?
Mari: Claro! Vamos(eu disse isso dando um selinho nele).
Quando chegamos na escola eu fui falar com minhas amigas, e o justin veio comigo.
Mari:Oi Carol!(eu disse isso dando um beijo na buchecha dela)
Carol:Oi Mari!Oi justin!
J:Oi carol!
Mari: Cadê a Suzana?
Carol: Ela tá ali conversando com as amigas dela, q eu odeio né!
Mari: É msmo nem é melhor eu ir falar com ela, qando elas sair de lá eu vou!
J: Amor, eu vou ali falar com o Chaz tá?
Mari: Tá bom amor! (disse isso dando um selinho nele). Carol vamos lá falar com a suzana?
Carol: Tá bom! vamos.
Suzana: Mari! amiga como se tá linda.
Mari: Obrigada!
Carol: Oi! suzana.
Suzana: Oi Carol! ( ela diz isso dando um abraço na carol)

----------Conversa do Chaz e Justin-------------
Chaz: Eaeh cara!
J: Eaeh! Tá pegando todas?
Chaz: Que nada Eu to tentando namorar serio agora!
J:u_u
Chaz:...
J: Olha eu posso te apresentar uma amiga da Mari vooc quer?
Chaz: Claro!
Então o justin vai até mim e diz:
J: Oi Mari esse é meu amigo Chaz!
Mari:Oi Chaz Tudo bem?
Chaz: Oi Tudo sim.
Mari: Ah! Chaz essas são minhas amigas, Chaz essa é a Carol, e Carol esse é o Chaz.E Chaz esse é a suzana, e suzana esse é o Chaz.
Suzana: Hum... Q Gatoh!( ela diz isso no meu ouvido)
Mari: Investe nele Gata!(eu disse isso sussurrando pra ela)
J:O q voocs estão falando ai posso saber?
Mari: Não justin, vooc não pode saber é coisa de menina!
J: Ah! Meninas, não podemos saber nada sobre elas!

Então o sinal bate, e nós vamos pra sala e temos akela aula chata de sempre, E o justin me leva pra casa dele pra gente estudar, quando chegamos eu vi a Pattie lá assistindo televisão, então o justin interrompeu ela e disse:
J:Oi Mãe! nós vamos estudar tá bom
Pattie: Tá bom filho! não vai me apresentar sua amiga?
J:Amiga? Ela é minha namorada! akela eu te disse, só q eu tinha esquecido desse detalhe. Apresentar ela pra vooc!
Pattie: tá! Oi qual é o seu nome?
Mari: Oi Pattie! Meu Nome é Marina! mas pode me chamar de Mari tá?
Pattie: Tá bom! Filho cuida bem dela.
J:...

AVISO!

Gente eu vou mudar um pouco esse imagine belieber. Vou arrumar um nome para a namo do justin e para as amigas dela


E tbm vai chegar uma pessoa nova aki espero q gostem!

Comenta ai pelo menos pra eu ver se voocs estão gostando.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Never Stop Loving You Capítulo 4 - 1º Temp.

Mari acordou com o alarme do celular dela despertando, aquilo era horrível pra ela, Mari odeia acordar cedo. Se levantou, tomou um banho, trocou de roupa e depois desceu para a sala de jantar, aonde estava tomando café o pai dela e o Danilo.
Mari: Bom dia pai! (disse ela e deu um beijo na bochecha dele)
Pai: Bom dia Mari! (disse ele sorrindo e Mari se sentou na mesa)
Danilo: Você vai ter mesmo coragem de trair o Daniel? (disse ele falando com Mari)
Mari: Claro que vou! E você, não pense em contar pra ele. Afinal, você mesmo disse que não é x9. Então você não vai contar, né?
Danilo: Eu só não vou contar porque você é minha irmã, mas se não fosse, eu contava!
Mari: Bom saber... (disse ela sorrindo)
Pai: Eu tenho certeza que você vai se arrepender disso.
Mari: Se eu me arrepender, vai ser porque eu fiz algo de errado, eu NUNCA ia me arrepender de trair o Daniel. Ele é um sem vergonha!
Danilo: Afff’ eu vou embora! Tchau, pai. (disse ele se levantando e pegou sua mochila)
Pai: Tchau filho!
Mari: Tá com raiva só porque eu falei do seu amiguinho cafajeste?
Danilo: Não, Mari. E eu vou embora! (disse ele e saiu)
Mari: Afff’ digo eu. Parece que ele não conhece nada o Daniel. Isso me deixa mais animada em trair o Daniel! (disse ela sorrindo de orelha á orelha)
Pai: AI SENHOR! Tomara que ela não faça nada de errado. (disse ele falando consigo mesmo)
Mari: Eu não vou fazer nada de errado, ok? (disse ela igual uma patricinha)

    Os dois ficaram conversando até a Mari se apressar e sair correndo para ir para a escola, no caminho ela encontra a Lorrane, uma menina que é da sala dela e é CDF, ninguém nunca falou com ela. Mas ela, como é simpatissíssima, foi atrás dela e disse:
Mari: Oi Lorrane! (disse ela se aproximando)
Lorrane: Oi... (disse ela tímida) Por que está falando comigo?
Mari: Eu queria uma companhia para a escola.
Lorrane: Ah’ tá! Mas você é tão popular, achei que não falava com CDF’s.
Mari: Eu não sabia que você era isso.
Lorrane: O problema é que eu sou. Por isso que ninguém fala comigo!
Mari: Hum... você gosta de alguém da escola?
Lorrane: Não, por quê?
Mari: Bom... já que você disse que eu sou tão popular, eu podia te ajudar. Eu quero ser sua amiga! (ela disse e parou na frente da escola)
Lorrane: VOCÊ? Minha amiga? HAHAHA’ você me faz rir.
Mari: Ok, você vai se arrepender! (disse ela andando para dentro da escola)
Lorrane: Ai não! Espera.
Mari: Fala!
Lorrane: Você quer me ajudar como?
Mari: A arranjar um garoto pra namorar.
Lorrane: NOSSA! Você consegue isso pra mim?
Mari: Depende de qual menino você quer.
Lorrane: Sei lá! Tem vários gatinhos aqui nessa escola!
Mari: Então você gosta de algum deles?
Lorrane: Até gosto.
Mari: De qual?
Lorrane: Não, eu não gosto!
Mari: Mas vai gostar! (vai andando e leva Lorrane junto) Eu vou falar com todos os meninos da escola.
Lorrane: AI MEU DEUS! (disse ela assustada e saiu correndo)
Mari: O que deu nela? Só porque eu disse que ia falar com todos os meninos da escola? Affff’ (disse ela baixo e consigo mesma)
XxXx: O que foi Mari? (disse Chaz chegando até ela)
Mari: É que a menina da minha sala não quer minha ajuda. Ai eu não sei o que deu nela! (disse ela chateada, olhou pro lado, viu a Carol, Suzana, Justin e Ryan, olhou pro outro e viu Danilo e Daniel entrando na escola e falando com as pessoas)
Chaz: Nossa! Você queria ajudar ela em que? (disse ele preocupado com a reação de Mari)
Mari: Ah’ eu ia ajudar ela a arranjar um namorado. Só porque eu disse que ia falar com todos os meninos da escola, ela correu! (disse ela olhando diretamente pro Chaz)
Chaz: Credo! Só por causa disso? (disse ele com uma cara estranha)
Mari: É isso aí. (disse e olhou pro lado, lá estava Daniel olhando ela conversando com o Chaz, olhou pro outro lado e viu Carol, Suzana e os meninos olhando os dois, ai ela se aproximou de Chaz e o beijou bruscamente)

   Com as meninas...
Carol: Nossa! Ela fez mesmo. (disse ela olhando para a Mari e Chaz)
Suzana: Ela é muito corajosa.
Justin: Do que vocês estão falando? (disse ela estranhando)
Carol: Da Mari! (disse ela sorrindo)
Ryan: O que tem a Mari?
Suzana: Está beijando o Chaz.
Justin: O quê? (disse ele bravo)
Carol: Olha só... (disse ela e apontou com os olhos para Mari)
Ryan: NOSSA! O Chaz já está pegando todas.
Suzana: A Mari que armou tudo isso.
Justin: Como assim?
Carol: É brincadeira da Suzana, Justin! Ela fala muita besteira. (disse ela tapando a boca de Suzana e levando ela para outro canto)
Suzana: Me deixa Carol! (disse ela se soltando)
Carol: Porque você foi logo dizer aquilo? Não era pra ninguém saber que era armação da Mari.
Suzana: E eu com isso?
Carol: AI MEU DEUS! Você só pode ser louca para estar falando isso.
Suzana: Afffff’

   Com Mari...

   Mari beijou o Chaz bruscamente e ele ficou sem reação, mas ele correspondeu. Ela não sabia se estava fazendo a coisa certa, e também não sabia que o Chaz ia ficar com raiva dela ou alguma coisa do tipo, mas até agora não deu em nada. Mari estava percebendo olhares maldosos vindo de Danilo e Daniel. Ela vê pelas pálpebras dos olhos. Mari parou o beijo bruscamente e Chaz ficou assustado, tipo, “Porque me beijou?” “Ah’ não estou nem ai. Seu beijo é maravilhoso!”

Mari: Ai Meu Deus! O que eu fiz? (disse ela em um sussurro, mas claro que Chaz ouviu)
Chaz: Me beijou? (disse ele estranhando e Mari olhou pra ele assustada)
Mari: Desculpa Chaz.
Chaz: Por você ter me beijado? (disse ele estranhando ainda mais)
Mari: É... eu te beijei porque o Daniel estava vendo. E ele é quase meu ex-namorado! É que ele me traiu e eu queria fazer o mesmo. Mas não sabia que eu ia me sentir tão mal. (disse ela com a cabeça baixa)
Chaz: aaaaah’ você está se sentindo mal só porque me beijou?
Mari: Claro! Eu não sei o que deu em mim...
Chaz: Olha, quando você quiser dar o troco em alguma pessoa, me avise antes. Mas não precisa se culpar! (disse ele acariciando o rosto de Mari)
Mari: Tudo bem. Você não vai ficar com raiva de mim? (disse ela com os olhos brilhando)
Chaz: Claro que não... mas você pode me responder uma coisa?
Mari: Fala!
Chaz: Como o Daniel te traiu?
Mari: Hum... vamos se dizer que ele estava na cama com outra garota. (disse ela sorrindo)
Chaz: Você fala como se fosse a coisa mais normal do Mundo! O.O
Mari: Eu sou assim! Não me importo com o que ele faz e nem diz. Agora, me dá licença que eu vou terminar com ele. (disse ela sorrindo e andando)
Chaz: Fique a vontade gata sexy! (disse ele com um sorriso malicioso, Mari logo riu)
Mari: Idiota! (disse ela rindo)

    Mari saiu dali e foi até o Daniel e Danilo. Chegando lá... o Daniel ficou encarando ela e Mari não disse nada. Danilo saiu dali e Mari disse:
Mari: Eaí, como foi sua noite com a Ashley? (disse ela ironicamente)
Daniel: Qual Ashley (disse com uma cara de sínico)
Mari: A Ashley, não se lembra? Aquela garota que eu vi vocês dois transando. Se lembrou, agora?
Daniel: Afff’ lembrei. O que você estava fazendo com aquele menino? (disse ele apontou pro Chaz com os olhos)
Mari: Você não viu? Oh’ que ruim...
Daniel: Eu vi. Você beijando aquele... (ele ia terminar, mas a Mari o interrompeu).
Mari: AQUELE O QUÊ? SE VOCÊ FOR XINGAR ELE, XINGUE! MAS NÃO SE ESQUEÇA QUE VOCÊ É O QUE VOCÊ DIZ. E também não se esqueça de que você me traiu primeiro. Te paguei com a mesma moeda! Gostou?
Daniel: Gostei do que? Você é louca? (disse ele com raiva) Você acha que eu gostei de ver você beijando aquele viado?
Mari: Hum... bom saber que você é viado.
Daniel: Eu não sou nada disso! Você é louca! Eu não sei onde eu estava com a cabeça de querer namorar com você.
Mari: Eu penso o mesmo... você é tão cafajeste que não tem vergonha na cara e ainda fica xingando os outros. Você é coisa muito pior! Se eu soubesse que você era assim, teria conhecido o Chaz antes.
Daniel: É esse o nome daquele cara?
Mari: Não... imagina! (disse ela ironicamente) Eu só escolhi ele, porque ele não é cafajeste igual você. ELE BEIJA MELHOR DO QUE VOCÊ! (disse ela alto, com o rosto bem perto do dele e o provocando)
Daniel: Quer dizer que ele beija melhor do que eu? (disse ele provocando Mari)
Mari: Aham! Muito melhor... seu beijo não chega nem perto do dele. (disse ela ainda provocando ele e ele pegou no braço dela e apertou) ARGH! ME SOLTA SEU SEM VERGONHA! (disse ela gritando)
Daniel: Eu não vou te soltar coisa nenhuma, sua vagabunda! (disse ele com um olhar de maníaco)
Mari: DANILO, ME AJUDAAAAA! (disse ela gritando)
Daniel: Pode gritar a vontade, ele não vai te ouvir. (disse ele apertando ainda mais o braço de Mari)
Mari: ME SOLTA!
XxXx: Não ouviu ela falando pra soltar? (disse alguém chegando)
Daniel: Quem você pensa que é?
XxXx: O Chaz Somers. Solta ela! Eu não quero brigar.
Daniel: Eu não vou soltar ela coisíssima nenhuma. (disse ele com uma cara de raiva)
Mari: Chaz, deixa ele. (disse ela insistindo)
Chaz: NÃO! (disse ele alto e olhou pro Daniel) Sabe... eu disse que não queria brigar. Se bem que você está merecendo! (disse ele e depois deu um soco na cara do Daniel, ele caiu no chão soltando Mari)
Mari: VOCÊ MERECEU! (disse ela alto no ouvido de Daniel) Nunca mais quero que você pense que ainda estamos namorando, porque isso acaba aqui e agora! (disse ela com firmeza)
Daniel: Você vai se ver comigo. (disse ele olhando pro Chaz)
Chaz: Isso é o que nós vamos ver! (disse ele sorrindo) Mari, vamos pra sala?
Mari: Vamos! (disse ela sorridente e acompanhou Chaz)

Continua!

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Never Stop Loving You Capítulo 3 - 1º Temp.

Mari subiu para seu quarto, arrumou seu material no armário e foi tomar um banho, já era 18h45min quando ela terminou. Ela se deitou na cama e pegou seu telefone, logo discou o número de Suzana.

*Ligação*
Suzana: Mari?
Mari: Sou eu mesma amiga!
Suzana: Eaí, tudo bem?
Mari: Infelizmente, não!
Suzana&Carol: Por quê? (disseram as duas surpresas. Carol também estava na linha)
Mari: Carol?
Carol: Ér...
Suzana: Tá, mas o que foi?
Mari: É que meu pai disse que a Yasmin trouxe minha mãe pra cá. Eu nunca vi ela, ela me deixou e eu não sei o que fazer. Sério!
Carol: Se eu fosse você, eu falaria com ela.
Suzana: É, eu também acho. Ela é sua mãe Mari! Não foi ela que te criou, mas pelo menos fale com ela.
Mari: Eu não sei...
Carol&Suzana: VAI LOGO! (disseram as duas alto, fez Mari tirar o telefone do ouvido)
Mari: Tá bom, me convenceram.
Suzana: Que bom! Eaí, como foi passar a tarde fazendo o começo de um trabalho de geografia com o Justin? (disse ela com um tom de malicia)
Carol: Foi bom ou ruim? (disse ela rindo)
Mari: Foi divertido! Nós nos conhecemos melhor. Me simpatizei bastante com ele. Ele até que é legal! (disse ela com os olhos brilhando)
Suzana: DEUS! A Senhorita Rodrigues se simpatizando com um garoto? Isso não acontece todos os dias. (disse ela impressionada e ao mesmo tempo com um tom de drama)
Carol: É mesmo! Mari você conseguiu, PARABÉNS! (disse ela rindo)
Suzana: PARABÉNS!
Mari: ¬¬’ Olha... isso é o que vocês acham.
Carol: Tá, mas eaí, já terminou aquele seu namoro fajuto com o Daniel? (disse ela com uma voz não muito boa)
Suzana: É mesmo, né? Aquele garoto é insuportável, ainda mais porque você estava namorando com ele por causa de uma aposta do Danilo. Affff’
Mari: Eu tinha esquecido desse detalhe. Mas ele nem foi pra escola hoje. Eu vou falar com o Danilo! Ele vai se ver comigo por ter me arrumado um garoto que não presta. Eu só estava com ele por causa daquela aposta medíocre do Danilo. EU VOU MATAR ELE! Eu não sei como eu fui arranjar um irmão assim. PORQUE DEUS? POR QUÊ? Eu vou terminar com o Daniel amanhã mesmo! (disse ela com muita raiva)
Carol: Mari... não faz isso com o seu mano. (disse ela com voz de bebê) Ele não merece morrer! E ainda por cima, por você. (disse ela e depois começou a rir)
Suzana: É, Mari... e se eu fosse você, eu ia na casa do Daniel e terminava com ele. Porque ele não ia gostar nada de a escola inteira saber que vocês terminaram. Tem que ser uma coisa só entre vocês, entende? (disse ela calma)
Mari: Entendi! Na moral, eu não sei se termino mesmo com ele. Eu sei que ele me traiu, mas eu acho que não foi a intenção dele.
Carol: Marina do céu! Como assim não foi a intenção dele? Ele estava na cama com outra garota e você diz que não foi intenção dele? AI MEU DEUS! Se mata. (disse ela dramática)
Suzana: É isso mesmo o que eu ouvi? A Mari chifruda? HAHA’ (disse ela gargalhando igual uma doida)
Mari: É isso mesmo o que você ouviu “Suuh”! Eu posso ser chifruda, mas esse nominho ai não está no meu dicionário particular. HAHA’ (disse ela rindo)
Carol: Mari... como assim? O.o
Mari: Eu não sou chifruda. Eu só fui traída por um cafajeste que é amigo do meu irmão! Isso não significa nada pra mim. O Daniel era como se fosse um capacho pra mim, EU NUNCA GOSTEI DELE! Aquele garoto é um idiota.
Suzana: AI SENHOR! Foi isso mesmo que eu ouvi? A Mari xingou um menino? Ou eu estou sonhando acordada? HAHA’ (disse ela e depois começou a rir)
Carol: NOSSA! É mesmo... Mari, é você mesmo? Ou eu também estou sonhando? (disse ela impressionada)
Mari: Para meninas. Ninguém aqui está sonhando! Depois que eu conversar com os meus pais, eu vou pedir a permissão do meu pai para eu ir na casa do Daniel antes do jantar.
Suzana: Faça isso gata! Ele não te merece.
Carol: Néh! Olha Mari... eu estava pensando aqui. Você podia pagar com a mesma moeda!
Suzana: BOA CAROL! (disse ela meio histérica)
Mari: Não entendi Girls.
Carol: Trai ele também!
Suzana: UHUUUUUUUUUUL!!
Mari: Eu posso até fazer isso. Vou me arrepender por não ter o respeito de mim mesma. Mas com quem? (disse ela interessada)
Carol: Com o Chaz. Você não ama tanto ele?
Suzana: ¬¬’
Mari: Pode ser! Mas o que eu faço?
Carol: Sei lá... sabe, quando você ver o Daniel e estiver na presença do Chaz, dá um beijão nele!
Mari: Hum... estou gostando disso. (disse ela com um tom de malícia)
Suzana: Você vai fazer isso? (disse ela sorridente)
Carol: Claro que ela vai! Mas é só porque o Daniel traiu ela.
Mari: Yes! Então... amanhã, quando eu ver o Daniel e o Chaz estiver na minha presença, eu vou beijar ele.
Suzana&Carol: É isso aí!
Mari: Meninas, valeu. Essa longa conversa foi muito divertida! Amei. Agora eu tenho que ir, meu pai deve estar pensando que eu ainda estou no banheiro. BEIJOS! Xoxo
Carol: Beijos, xoxo!
Suzana: Xoxo
*Fim da Ligação*
 
   Mari colocou seu telefone em seu devido lugar, se levantou da cama e ouviu alguém chamar seu nome, com certeza era o pai dela. Ela saiu de seu quarto e viu o de Danilo, ficou com uma cara nada agradável, ela está mesmo com bastante raiva de Danilo. Pra ela, tem teve a culpa de tudo foi ele! Bom... ela desceu e viu seu pai sentado no sofá.
Mari: Pai? (disse ela se aproximando do sofá) Cadê a Min?
Pai: (ele olhou pra ela com uma cara triste) FILHA! Ela foi embora e sua mãe foi junto. Eu disse pra ela que você não queria vê-la, devido o motivo de ela ter nos deixado. Mas ela entendeu...
Mari: Porque você foi dizer isso pra ela? AI SENHOR! (disse ela dramática) Cadê o “Dan” ? (disse ela andando de um lado pro outro)
Pai: Está no quarto dele. O que houve?
Mari: Adivinha?
Pai: O Daniel de novo?
Mari: É isso aí. Pai... eu estava namorando com o Daniel por causa de uma aposta que o Danilo fez, mas eu perdi e tive que namorar com ele. Eu só não terminei, porque eu comecei a me apegar nele. Mas ele me traiu...
Pai: O QUÊ? Eu vou matar aquele moleque! (disse ele com bastante raiva)
Mari: Não precisa, pai. Eu vou pagar com a mesma moeda! (disse ela sorrindo)
Pai: O que você está pensando em fazer? (disse ele com uma cara estranha)
Mari: Ué, eu vou pagar com a mesma moeda. Vou trair ele antes de eu terminar com ele.
Pai: Isso não é coisa que se faça. Mas se você se arrepender de tudo que está fazendo e vai fazer, não diga que eu não avisei! (disse ele e saiu andando para seu quarto)
XxXx: Tudo isso é verdade? (disse Danilo entrando na sala)
Mari: Com toda certeza! E você, nunca mais tente fazer uma aposta só para eu namorar com um de seus amiguinhos cafajestes. (disse ela olhando pra ele com cara de nojo)
Danilo: O que foi que ele fez?
Mari: Me traiu! Simples assim.
Danilo: Como assim simples? Você bebeu? Fumou droga? Bateu a cabeça em alguma parede? Cheirou cola? (disse ele rápido)
Mari: PARA DANILO! (disse ela rude) Eu sei o que estou fazendo.
Danilo: E o que você vai fazer?
Mari: Amanhã na escola você verá! O Daniel não perde por esperar. (disse ela esfregando as mãos e olhando para o nada)
Danilo: ¬¬’ Olha... como ele te traiu?
Mari: Estava na cama com outra! E a culpa é sua.
Danilo: Como assim, a culpa é minha?
Mari: Você que se fez aquela aposta inútil pra mim. Eu até admirava ele, mas eu achei que ia ganhar por isso que eu aceitei. AI’ EU TE ODEIO! (disse ela com muita raiva)
Danilo: Mari... você está assim só porque ele te traiu? Do jeito que você é, eu também teria te traído. (disse ele se achando)
Mari: Como assim, do jeito que eu sou?
Danilo: Ele foi seu primeiro namorado, não foi?
Mari: AHAM!
Danilo: Então porque quando o fim da aposta acabou você não terminou com ele?
Mari: Porque eu me apeguei com ele. E eu vou pro meu quarto! Não quero mais olhar para a sua cara. Ele é seu amigo, você sabe como ele é, você deveria me dito tudo o sabia sobre ele.
Danilo: Se eu fosse X9, eu contava.
Mari: Você não me entende mesmo, né?
Danilo: Não, não te entendo! (disse ele sorrindo e Mari saiu dali)

(...)

CONTINUA! Eêêh' 3º capítulo. Gostaram??

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Never Stop Loving You Capítulo 2 - 1º Temp.

Mari, as meninas e os meninos foram para suas salas, que eram separadas. A aula de todos foram tediosas e chatas, como sempre, quando as aulas de Mari acabou, ela ficou esperando as meninas no pátio, MAS ela tinha esquecido que ia para a casa de Justin depois da aula fazer o trabalho de Geografia.
Carol: Mari, cadê o Justin?
Mari: Não sabes! (disse ela sorrindo)
Suzana: Você não tem que fazer o trabalho na casa dele hoje?
Mari: OMG’ é verdade. Agora eu tenho que achar ele! (disse ela olhando para os lados)
Xxxx: Acabou de achar!
Carol: Ai, ele chegou. Agora nós estamos indo Mari!
Suzana: Bye bye! (disse ela sorrindo)
Mari: Bye! (disse ela desanimada) Eaí, vamos logo?
Justin: Tá bom... Se acalma ai mocinha. (disse ele colocando o braço em volta do ombro de Mari)
Mari: Ok, o que você quer?
Justin: Conversar seria uma boa! Você me evita desde a primeira vez que eu conversei com você.
Mari: Você quis dizer, desde a primeira vez que eu te paquerei. Ia ficar melhor assim!
Justin: NOSSA! Pelo o que eu estou vendo, você não gosta mesmo de ser paquerada, né?
Mari: Se o cara me conhecer direitinho, ai sim!
Justin: Eu já te conheço direitinho. (disse ele se aproximando de Mari)
Mari: Aham! Sei... (disse ela com um tom de ironia)
Justin: Tá bom, vamos logo pra minha casa. Ai nós nos conhecemos melhor, seria uma boa né? (disse ele sorrindo)
Mari: Nem tanto... mas tudo bem! (disse ela andando)
Justin: Afff’s (disse ele e acompanhou Mari)

     Mari e Justin foram pra fora da escola, Justin acionou um negócio de ligar o carro, (sei lá!) abriu a porta para Mari, ela entrou e depois ele entrou também. Justin ligou o carro e foi á rumo de sua casa. No caminho Justin sempre perguntava alguma coisa para Mari, ela ás vezes ficava quieta e ele chamava sua atenção. Até ai tudo bem! Mari se simpatizou com o Justin rápido, foi só os dois ficarem conversando que isso ia acontecer á qualquer momento. Quando chegaram à casa de Justin, ele estacionou o carro na garagem, os dois saíram e entraram na casa de Justin. Quando Mari entrou lá, ficou encantada com a bela casa de Justin, logo Pattie, mãe de Justin apareceu.
Pattie: Oi Justin! (disse ela e logo após percebeu a presença de Mari).
Justin: Oi Mãe! (disse ele e depois olhou para Mari) Essa é a Mari. Ela veio aqui para nós fazermos o trabalho de Geografia! (disse ele sorrindo).
Pattie: Ah’ oi Mari... prazer! (disse ela dando um abraço em Mari e depois um beijo em sua bochecha).
Mari: Oi Pattie! O Prazer é todo meu. (disse ela sorridente).
Justin: Haha’ mãe, nós vamos pro meu quarto fazer o trabalho tudo bem? (disse ele sorrindo).
Pattie: No seu quarto? (disse ela encarando Justin).
Justin: É, o que é que tem? (disse ele com cara de inocente).
Pattie: Você sabe muito bem! Façam aqui na sala mesmo, eu não vou atrapalhar vocês. (disse ela andando).
Justin: Tá bom Pattie! (disse ele e se sentou no sofá) Senta ai Mari. (disse ele olhando para o outro sofá que ficava na frente de uma mesa que fica no centro dali).
Mari: (ela se sentou e ficou olhando a casa) Essa casa é muito linda! (disse ela com os olhos brilhando).
Justin: É mesmo, né? (disse ele e depois mudou de assunto) Dá pra continuar o trabalho, amanhã, na sua casa? (disse ele sorrindo e olhando para Mari).
Mari: Hã? Oh’ sim! (disse ela e depois olhou para Justin) O que foi que você disse? (disse ela confusa).
Justin: Eu disse se dá para a gente continuar o trabalho, amanhã, na sua casa. (disse ele olhando bem dentro dos olhos de Mari).
Mari: Claro! Pode ser. (disse ela e pegou seu caderno).
Justin: Justin Bieber? (disse ele olhando pro caderno impressionado).
Mari: É... eu ganhei do meu pai. Além de ele não gostar muito de você, ele fez isso por mim! (disse ela sorrindo).
Justin: Você é minha fã? (disse ele sorrindo).
Mari: Mais ou menos. Não tinha do Chaz, ai ele me deu esse mesmo. (disse ela sorrindo sapecamente).
Justin: Aiai’ porque você gosta tanto do Chaz? (disse ele escrevendo em seu caderno).
Mari: Porque ele é seu amigo e é muito lindo! (disse ela também escrevendo em seu caderno).
Justin: Só porque ele é meu amigo?
Mari: Aham! Primeiro eu gostava de você. Depois que eu soube que o Chaz era seu amigo, comecei a gostar dele. Mas eu não sou uma Belieber! (disse ela com um sorriso meio bobo).
Justin: Ah’ isso é motivo pra parar de gostar de um garoto?
Mari: Não, mas eu não era uma fã verdadeira. Virei mesmo uma fã verdadeira do Chaz! (disse ela com um sorriso desagradável).
Justin: Aiai’ mas o Chaz é meu entendeu? (disse ele brincando).
Mari: Entendi! Quando vai ser o casamento? (disse ela zoando com Justin).
Justin: Sei lá... só não vai demorar muito. Quer ser a madrinha?
Mari: Claro! Seria demais. Ser madrinha de casamento do CHAZ SOMERS? OMG’ eu não vejo a hora. (disse ela olhando para o nada e sorrindo).
Justin: O que você vê tanto no Chaz? (disse ele com uma cara BEM estranha)
Mari: Eu não sei... ele me encanta! Mas isso não é coisa que se fale pra um menino.
Justin: Hum... você nunca gostou de um menino diferente? (disse ele sorrindo)
Mari: Claro que já! Eu sou fã do Chris Brown. E vou te falar uma coisa, ele é meu cunhado... (disse ela se achando)
Justin: O Chris seu cunhado? (disse ele estranhando)
Mari: Claro! Ele é namorado da minha irmã. Quando eu descobri isso, fiquei em choque! (disse ela escrevendo em seu caderno)
Justin: NOSSA! Sinistro isso.
Mari: Por quê?
Justin: Nada não... esquece! (disse ele sorrindo)
Mari: Afff’s

     Justin e Mari ficaram horas ali fazendo algumas partes do trabalho. Primeiro eles liam alto um para o outro e depois discutiam o que ia entrar no trabalho, aquilo foi só o começo de dias fazendo um trabalho. Quando deu umas 17h30min o celular de Mari toca, era seu pai.

*Ligação*
Pai: Mari?
Mari: Sim pai, o que foi?
Pai: Você ainda está na casa daquele menino fazendo o trabalho?
Mari: Sim! E já estou indo embora.
Pai: Hum... que bom, eu estou precisando de você aqui!
Mari: Pra quê?
Pai: Quando você chegar eu te falo.
Mari: Ok, saindo aqui... beijos, te amo!
Pai: Beijos filha, também te amo!
*Fim da Ligação*

Justin: Quer que eu te leve pra casa?
Mari: Não precisa... eu moro á Dois quarteirões daqui.
Justin: E como você sabe? (disse ele estranhando)
Mari: Como eu sei? Ah’ sei lá! Eu vi as ruas quando a gente estava vindo pra cá e descobri qual é o nome da sua, é assim que eu sei.
Justin: Tudo bem! Mas me deixa eu te levar pra casa? Pelo menos hoje?
Mari: Afff’ tá bom !

      Justin levou Mari até em casa, quando chegou lá, parou o carro, Mari saiu, se despediu dele e entrou em casa. Logo o pai dela apareceu com um sorriso grande no rosto, então ele disse:

Pai: Mari! (disse ele chamando a atenção de Mari)
Mari: O que foi?
Pai: (ele se sentou no sofá e Mari o acompanhou) Lembra-se de sua mãe?
Mari: Claro que não! Ela nos deixou quando eu era pequena.
Pai: Pois então... eu tinha te dito que ela estava com a sua irmã. Ai sua irmã veio nos visitar e trouxe ela! (disse ele sorrindo)
Mari: Que bom! (disse ela desanimada)
Pai: Não gostou?
Mari: É, não gostei. Ela vem nos visitar logo agora? Eu não conheço ela e não estou com vontade de conhecê-la. (disse ela grossa)
Pai: Só porque ela nos deixou?
Mari: Claro! Ela não deveria nos deixar. Quem cuidou de mim foi você! Eu não quero vê-la. (disse ela emburrada)
Pai: Mari... ela é sua mãe. Foi ela que ficou noves meses com você na barriga, foi ela que sofreu para fazer o seu parto, foi ela que aguentou todas as contrações antes de você nascer. Você tem que aceitar isso, ela é sua mãe! (disse ele assustado)
Mari: Afff’ tá bom. Eu vou pro meu quarto! Depois eu converso com ela.
Pai: Filha... ela já está aqui.
Mari: Aqui aonde? (disse ela olhando para um lado e para o outro)
Pai: Tá bom, depois vocês conversam. Você está muito tensa!
Mari: Estou mesmo!! (disse ela rindo e depois subiu para seu quarto)

CONTINUA! Capítulo 2. Gostaram?? haha' ^^

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Never Stop Loving You capitulo 1 - 1º Temp.


Prof ª: Gente! Esse é o novo aluno. Justin Bieber!  (disse a professora apresentando ele para a sala) Se prepara para os gritos. (sussurra no ouvido de Justin)
Justin: Tá! (coloca a mão no ouvido)
Meninas: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH’ (todas as meninas gritaram)
Carol: Ai Meu Deus! Esse é o Justin Bieber. (disse histérica)
Mari: Que bom. (disse emburrada olhando para o Justin e com os olhos brilhando)
Prof ª: Escolha um lugar pra você, Justin! (diz a professora)
Justin: Ok! (disse ele, olhou para Mari e se sentou em uma cadeira bem ali perto).
Suzana: OMG’ Mari, ele está olhando pra você. (ela disse histérica)
Mari: Que bom pra ele!
Carol: MEU DEUS! Ele é um gato. (disse ela olhando descaradamente para Justin)
Justin: Ahn... É aula de quê? (disse ele olhando para Suzana)
Suzana: Geografia! (diz ela sorrindo)
Justin: Obrigado. 
Suzana: De nada... (disse ela e deu um suspiro)

   Aquela aula foi muito cansativa, geografia para Mari era um tédio, "era" não, ainda é. Ao acabar aquela aula, Mari, Suzana e Carolina vão para seus armários pegar seus livros, ao chegar lá Justin surpreende Mari, as meninas saem dali e o Justin diz:
Justin: Oi, meu nome é Justin! (diz ele sorrindo)
Mari: Oi, e o meu é Mari. Na verdade é Marina, mas Mari é melhor. (disse ela e depois os dois riram)
Justin: Ha' nome lindo, sabia...? (diz ele xavecando Mari) Igual à dona dele! 
Mari: Ai Meu Deus! EU linda? Desde quando? (diz ela rindo demais)
Justin: Desde a primeira vez que te vi. (diz ele sério)
Mari: Affff' você é o Justin Bieber, porque vem logo me paquerar? (disse ela também séria)
Justin: Olha... Isso não vem ao caso. Só achei você linda! Não posso?
Mari: Obviamente! Não. (diz ela com cara de nojo)
Justin: Você é assim mesmo ou é só impressão minha? (diz ele chegando mais perto)
Mari: Eu sou assim mesmo! (sorriu ela e foi andando)
Justin: Você vai ter que me aguentar, porque nós vamos ter que fazer trabalhos juntos, esqueceu? (disse ele andando atrás de Mari)
Mari: Não, não esqueci. Mas queria ter esquecido! Você parece ser muito chato, não sabia que famosos estudavam.
Justin: Eu estou de férias e quero pelo menos tentar ser uma pessoa normal. (diz ele insistindo a atenção de Mari)
Mari: Já é normal o bastante pra mim! (diz ela e sorri sem mostrar os dentes)
Justin: Vamos pelo menos ser amigos? (ele disse insistindo ainda mais fazendo Mari ficar sem saída presa em um canto) Por Favor?
Mari: Tá bom! Mas, saia de perto de mim? (ela disse e empurrou Justin)
Justin: Ok, amigos? (ele se afastou de Mari e ergueu as mãos)
Mari: Amigos! (disse ela e ele a abraçou)
Xxxx: JUSTIN! JÁ PEGANDO TODAS? 
Justin: Affff' Pegando nenhuma, você quis dizer, né Chaz? (disse ele com uma cara de desanimo)
Chaz: E ela? (ele disse apontando para Mari)
Mari: Eu o quê?
Justin: Nada não, Mari. Ele está brincando! (disse ele disfarçando os modos de Chaz)
Chaz: Quer dizer que você não tá pegando ela? (disse ele sussurrando no ouvido de Justin)
Justin: Claro que não! Infelizmente... (disse ele e fez uma cara tristinha)
Mari: Estou saindo aqui. Justin, a próxima aula é de Biologia! (disse ela sorrindo)
Chaz: A minha também. (disse ele sorrindo e olhando para as pernas de Mari)
Justin: Tá bom, obrigado pela informação!
Mari: De nada. (disse ela, acenou e saiu dali).
Chaz: CARA! Essa mina é muito gostosa.
Justin: Mano, eu sei... O problema é que ela é muito difícil de conquistar. (disse ele olhando Mari andar pelo corredor)
Chaz: Vai ter que ralar muito, né amor? (disse ele brincando e depois os dois riram)
Justin: Não diz tão alto assim gato, alguém pode nos ouvir. (disse ele sussurrando)
Chaz: haha' Vamos logo para a sala de Biologia! (disse ele rindo)
Justin: Vamos sim amore! (disse ele brincando e rindo demais)

   Justin e Chaz foram para a sala de Biologia e já estavam todos lá, menos a professora, eles escolheram seus lugares e se sentaram.

Chaz: Justin, eu acho que você vai ter 100% de chance pra dar uns pega na Mari. (disse ele olhando diretamente para Mari)
Justin: Pode ser! ¬¬'Hoje vamos começar o trabalho de Geografia lá em casa. (disse ele com um tom de malícia)
Chaz: Hum... Está pensando em quê? Hein? (disse ele maliciando também)
Justin: Convencer ela de que sou seu príncipe encantado.
Chaz: Afff' isso é coisa de gay. :P.
Justin: Você pode achar isso, mas ela não acha. Tenho certeza! (disse ele sorrindo)
Chaz: u.u' acho que vou pegar uma daquelas amigas gatas dela. (disse ele olhando para Carol e Suzana)
Justin: São gatas mesmo! Mas não me trai ok? (disse ele sussurrando BEM baixo)
Chaz: Não se preocupa meu gostoso. Eu sou todo seu! (disse ele com uma voz seduzente)

     Justin e Chaz pararam de conversar e começaram á prestar atenção na aula, aquela aula não foi chata e nem legal, Biologia até que é legal para eles, não tanto quanto Inglês. Mari ficava olhando sem parar para Justin, ele até se surpreendeu com isso! Quando a aula acabou, Mari e as meninas foram para seus armários, Justin e Chaz foram atrás.

Chaz: Oi meninas! (disse ele sorrindo com uma cara sapeca)
Carol: Oi... ? (disse ela querendo saber o nome dele)
Chaz: Pode me chamar de Chaz! (disse ele sorrindo)
Carol&Suzana: Prazer Chaz! (disse as duas sorrindo com os olhos brilhando)
Chaz: O prazer é todo meu.
Mari: Quer dizer que seu nome é Chaz? (disse ela histérica)
Chaz: SIM! Por quê?
Mari: AAAAAAAAAAAAAAAH' VOCÊ É O CHAZ SOMERS?
Chaz: Claro que sou... (disse ele sorrindo vitorioso)
Justin: ¬¬'
Mari: Oh My Gosh'
Justin: O que foi Mari?
Mari: Você... É o amigo do JUSTIN BIEBER? (disse ela mais histérica ainda)
Chaz: Sim! E... Você tá me deixando com medo.
Mari: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH EU TE AMO CHAZ! (disse ela gritando e correu pra abraçar o Chaz, mas ele saiu correndo, ela correu atrás dele).
Suzana: MEU DEUS! Eu nunca pensei que a Mari tinha coragem de correr atrás do Chaz Somers. (disse ela indignada)
Carol: Concordo com você. Ela poderia correr atrás do Justin Bieber! (disse ela e olhou pro Justin)
Justin: AI MEU DEUS! (disse ele com medo delas, elas correram atrás dele e ele saiu correndo).

   Foi assim até o sinal bater, Mari correndo atrás de Chaz. Suzana e Carol correndo atrás de Justin. Todos da escola ficavam olhando pra eles, elas estavam parecendo fãs loucas e histéricas correndo atrás de seus ídolos. Pior que era isso mesmo!

Xxxx: PARA COM ISSO MEU! (disse alguém gritando)
Mari: Oops! (disse ela parando de correr)
Suzana: Quem é ti? (disse ela com medo)
Xxxx: Eu sou a Subcoordenadora!
Justin: Hã? E isso existe?
Xxxx: Claro JUSTIN BIEBER! (disse ela com um tom de raiva após pronunciar o nome dele)
Carol: A senhora não vai nos bater não, né? (disse ela se escondendo)
Chaz: Ela é uma coordenadora e não uma aluna.
Xxxx: CALE A BOCA GAROTO!
Chaz: Sorry! (disse ele com medo)
Xxxx: Vão para as suas salas, AGORA!
Todos: Tá bom tia. (disseram todos e saíram correndo para a sala)

   Mari, Suzana, Carolina, Justin e Chaz foram para a próxima sala que era da aula de Português. Aquela aula foi como as outras, mas foi pior, Mari tinha de fazer um trabalho com o Justin, ele não é lá essas coisas, mas até que ele é bonitinho, só que Mari não pensa assim, parece que ela nunca o viu na vida e essa foi a primeira vez.  Acabou a aula de Português e todos foram para o intervalo, Justin e Chaz foram para um lado e Mari, Suzana e Carol foram para o outro.
Suzana: Mari, você não viu que o Justin está gamado em você? (disse ela olhando diretamente para Justin e Chaz)
Carol: É mesmo Mari! O Justin é um Gato.
Mari: O Justin é um gato? E você ainda diz que gosta do meu mano, né? (disse ela falando com a Carol meio que com raiva)
Suzana: Viiixi’
Carol: Eu gosto do Danilo, já que ele não me corresponde, eu vou parar de gostar dele!
Mari: Isso é o que eu quero ver. (disse ela em duvida)
Suzana: Meu Deus! Fala sério... O Chaz é um gato. (disse ela olhando fixamente para o Chaz)
Mari: O Chaz um gato? Aiai’ você não gosta dele. Quem gosta dele, sabe quem é? EU! (disse ela provocando Suzana)
Carol: Mari! O Chaz não é seu. Deixa a Suzana pegar ele.
Mari: Quem vai fazer isso, sou eu.
Suzana: Então eu pego o Justin! (disse ela sorrindo)
Carol: Vocês não mudam mesmo, né?
Mari&Suzana: Néah? (disseram as duas juntas com caras de tédio)
Suzana: Vamos logo comer, eu estou com fome.
Mari: Tá bom sua fominha! (disse ela brincando, todas saíram dali e foram para a cantina)

    Mari, Carol e Suzana pegaram seus lanches e se sentaram em uma mesa que não tinha ninguém. Então aparece umas duas sombras perto delas e uma delas diz:
Xxxx: Podemos nos sentar?
Mari: Fique a vontade! (disse ela e olhou para as pessoas) Ah’ Meu Deus! É você, Chaz. (ela estava com os olhos brilhando)
Chaz: Sim, sou eu. (ele sorriu) Só que você não vai correr atrás de mim não, né? (disse ele com um tom de medo)
Justin: Não se preocupa Chaz, ela é assim mesmo. (disse ele zombando de Mari)
Mari: Você nem me conhece pra ficar falando essas coisas de mim! (disse ela cheia de raiva)
Carol: Calma ai, Mari. O Justin está só brincando... (disse ela sorrindo e olhando pro Justin)
Justin: ¬¬’
Suzana: Tá bom... O clima tá ficando estranho. (disse ela com um tom de medo)
Chaz: Vamos acabar com isso! (disse ele sorrindo)
Justin: Mari, que dia dá para a gente fazer o trabalho de Geografia?
Mari: Sei lá! Só tem que ser o mais rápido possível.
Justin: Pode ser hoje mesmo! (disse ele sorrindo e depois olhou para o Chaz)
Mari: Tá bom...
Carol: Chaz, você vai fazer o trabalho com quem?
Xxxx: COMIGO! (disse alguém se sentando do lado de Chaz)
Justin: Eaê cara! (disse ele fazendo toques de mão com Ryan)
Ryan: Eaê! (diz ele sorrindo)
Chaz: Meninas, esse é o Ryan.
Suzana: Ryan? Ryan Butler? (disse ela histérica)
Ryan: SIM!
Mari&Carol: AI... MEU DEUS! (disse elas super histéricas)
Justin: Se prepara pra correr, cara. (disse ele zombando)
Ryan: Porque correr?
Chaz: Porque elas vão correr. Mas atrás de você!
Mari: É mentira Ryan. (disse ela sorrindo)
Suzana: Você até que é bonito. Mas não tanto quanto o Chaz! (disse ela olhando para o Chaz com os olhos brilhando)
Carol: SUZANA DO CÉU! Você fala isso na cara do garoto? (disse ela meio que dando uma bronca em Suzana)
Mari: É mesmo, isso é feio. Mas o que ela falou até que é verdade!
Justin: Afffff’
Ryan: ¬¬’
Chaz: Meninas, deixou o Ryan com ciúmes de mim. (disse ele rindo)
Suzana: O Ryan com ciúmes de você? (disse ela com uma cara confusa)
Chaz: É, é que ele não suporta falarem assim de mim. O ciúme toma conta dele!
Ryan: É, fazer o que né? O Chaz é somente MEU.
Justin: Olha só como você fala! O Chaz é meu e não seu.
Mari: Disputa entre casais aqui?
Carol: É o que você está vendo.
Chaz: Ryan, fica com o Chris. Eu já sou do Justin! (disse ele sorrindo)
Ryan: Ok, não tenho mesmo o que escolher... (disse ele com a cabeça baixa)
Justin: Ryan! Não fica assim, o Chris é um gatinho. (disse ele rindo)
Chaz: Ele sabe, mas como ele é uma putinha que não gosta de me dividir, ele me prefere. (disse ele se achando)
Ryan: Para de se achar, né Chaz?
Justin: É... E espere que o nosso dia vai chegar.
Mari: AI MEU DEUS! Eu estou mesmo ouvindo isso? (disse ela tapando o rosto)
Suzana: Sim, está!
Chaz: Qual dia? (disse ele se fazendo de desentendido)
Mari: PARA MENINOS! (disse ela gritando) Vocês são gays ou o quê?
Ryan: Você não nos conhece. Então não fica falando essas coisas da gente! (disse ele com uma voz de gay)
Mari: AI... Sorry!
Justin: Mari, a gente gosta de ser assim. E... A gente finge que é, mas na verdade nós não somos o que vocês pensam. (disse ele e Chaz e Ryan assentiram)
Carol: Ainda bem! Eu nunca ia querer ver o Justin Bieber como um GAY.
Justin: E você nunca vai ver gatinha! (disse ele e piscou para Carol)
Chaz: É isso, mas temos que ir para nossa sala. Daqui alguns segundos o sinal bate! (disse ele olhando em seu relógio) 5, 4, 3, 2, 1... (assim que ele terminou de falar o sinal bateu) Vamos?
Todos: AHAM! (disseram todos confirmando com a cabeça)

    CONTINUA! Escrevi de novo. Tá menor! xD Espero que tenham gostado.