segunda-feira, 30 de julho de 2012

Sinopse


A vida está difícil, passei por altos e baixos com o Justin, mas nada e nem ninguém vai mudar o que eu realmente sinto por ele, cada dia que eu passo longe dele, sinto que meu amor cresce mais e mais. Só que ele me magoou e não sei se vou perdoá-lo tão cedo, mas sei que tudo vai dar certo.

Categorias: Justin Bieber, Jasmine Villegas, Katy Perry e Russel Brand
Classificações: + 18 anos (cada um sabe o que está lendo)
Avisos: Linguagem imprópria, Linguagem obscena, álcool e sexo
Gênero: Humor, romance e drama
Capítulos: Não definidos
Escritora: Mari Araújo (@BitchDoJerry)

Ps: Eu postei porque quis, percebi que ninguém queria a Sinopse, a não ser a Andressa que me ameaçou né, mas ta ai a sinopse, espero que gostem e não esperem o primeiro capítulo tão cedo porque nem tempo de escrever aqui eu tenho. xoxo ;*

terça-feira, 24 de julho de 2012

BLOG DESATIVADO!

 Mesninas, mil desculpas... to desativando o blog, mas é claro que eu volto, quando puder. É que eu não vou conseguir postar diariamente, eu estou super sem tempo e essas coisas, como as minhas postagens de Follies Of Love aqui no blog estão acabando, eu vou ter que editar, escrever aqui sempre pra deixar vocês sempre com as postagens em dia, mas eu não vou conseguir fazer isso, não mesmo. =/ Por isso que eu estou desativando o blog, eu estou com muitos problemas e só volto quando tiver TUDO aqui, vou terminar Follies Of Love, editar o resto de Pick Me aqui e só. Mas se vocês pedirem demais, eu deixo vocês com a Sinopse de Pick Me, que tal? Só que né, eu vou querer que vocês peçam tipo, DEMAIS MESMO, implorem, façam o que quiserem, caso o contrário, só posto a Sinopse quando for postar o primeiro capítulo de Pick Me, que vai demorar... =/ Mas não se preocupem, estou dando uma oportunidade pra vocês, se vocês querem pelo menos saber o que vai acontecer e essas coisas, PEÇAM, flw? Então, é só isso mesmo que eu ia dizer, espero que não fiquem bravas comigo, eu volto o mais rápido possível, se eu conseguir, claro. =) Xoxo Mariih' :*

domingo, 22 de julho de 2012

Follies Of Love 17º (AFFF' roça?)


 4 dias depois... 28/02/2013.

  Hoje é o dia que meu irmão recebe alta. Sim, ele tinha recebido antes, mas bem no dia ele piorou, veio melhorar ontem e recebeu alta hoje, eu já fui no hospital e ele foi embora com a namorada dele. Agora eu estou aqui entrando no avião com a Mari, sentamos em nossas poltronas e eu logo peguei meu celular e entrei no twitter.

Aeromoça: Senhores passageiros, por favor desliguem os aparelhos eletrônicos.

Lari: aaah' não! - disse olhando pra ela.

Mari: Se eu fosse você, desligava.

Lari: Tá, né! Fazer o quê. - disse e desliguei o celular.

 Dessa vez eu até dormi, dormi demais. Quando chegamos no Brasil, era meia-noite, Mari e eu pegamos nossas malas e fomos para um Hotel, chegamos e eu cai na cama.

10 horas depois...

 Acordei, me levantei toda animada. Fiz minha higiene, me arrumei e logo mandei uma mensagem pro Justin escrita "Bom dia, Jus! Feliz aniversário. *-*" Sai do meu quarto e fui até a sala, Mari estava lá assistindo Bob Sponja.

Lari: Mari, você assiste Bob Sponja? - disse me sentando do lado dela.

Mari: Assisto! E o seu gato também.

Lari: aaah' hoje é aniversário dele.

Mari: 19 aninhos? WOW!

Lari: É isso mesmo!

Mari: Já mandou uma Message pra ele?

Lari: Mandei sim. - peguei o celular - E ele acabou de responder! - olhei a mensagem e ele tinha escrito: "Bom dia, Lari! Obrigado. :) Já está em MG? 2bjs ;*"  - Argh' coisa de gay.

Mari: O que foi? O que ele escreveu?

Lari: Olha! - mostrei a mensagem pra ela.

Mari: É mesmo, só as girls escrevem isso.

Lari: Vou zoar com ele, então... - escrevi: "Já estou em MG sim! Cheguei 00:00. ;) Uh' Justin, virou gay, foi? haha' 3bjs ;*" 

Ele respondeu:

"Hum... gay? Por quê? Só por causa do 2bjs ? haha' isso não tem nada a ver. Ou tem? Qual o problema? 4bjs ;*"

"É gay, sim! Só meninas escrevem isso, a Mari que está aqui do meu lado, confirmou tudo. haha' É. Tem sim! Todos. Você é meu Boyfriend! Ou não. Mas mesmo assim, não escreva mais isso, pelo amor de Deus. Você é homem, não é? Homens não escrevem isso, só "Beijos! Te amo gostosura", haha' faça isso agora, amore! ;) Tá aumentando ainda mais os beijos, né? 5bjs ;* Te ligo depois."

Lari: Não vou mandar mais SMS pra ele. Cansei!

Mari: Semana que vem, vocês vão se ver.

Lari: TÁ! Mas e sua família?

Mari: Estamos em Januaria, podemos pegar um táxi e ir pra casa da minha avó!

Lari: Depois do Starbucks, né? - que vício. *o*

Mari: Ôôh' Larissa Costa, em Minas Gerias não tem Starbucks! Só se você procurar um shopping, procurar um Starbucks e comprar.

Lari: Tá bom! Mas eu to com fome. Vamos comer o quê?

Mari: Pão de queijo!

Lari: OKAY, tem ai?

Mari: Tem sim... eu já pedi.

  Fomos na cozinha e tomamos nosso maravilhoso café-da-manhã sem Starbucks, depois pegamos nossas coisas, chamamos um táxi e fomos até o lugar desejado. No caminho a Mari me disse que a avó dela mora na roça, tipo WTF? Como assim? Só de pensar, eu me coço toda. Eu não posso ir pra roça! A família dela deve ser todos caipira. Ou não. AH' eu não gosto de mato! Muito menos de mosquitos. Já pensou? Argh' Chegamos lá, o taxista parou, chegou uma garota, um garoto e uma mulher, Mari e eu pagamos pra ele e as pessoas nos ajudaram com as malas. Entramos na casa e a Mari logo foi em apresentando as pessoas.

Mari: Gente! Essa é minha amiga, Larissa.

Lari: Prazer! - eu sorri.

Todos: Prazer...

Mari: Essa é a Karina, minha prima.

Karina: oooooooooie! - ela disse acenando.

Lari: Você está de brincadeira, né? Prima? Nada a ver!

Mari: Sim! Ela é minha prima.

Lari: Como assim? Vocês são idênticas! Até no nome. Marina e Karina.

Karina: Poderíamos fazer uma dupla sertaneja, né? - disse olhando pra Mari.

Mari: Karina, nada disso! Ah' Lari, esse é o meu primo, Mario.

Mario: Prazer! - ele sorriu.

Lari: Prazer!

Mari: Ah' Lari, esse que é o meu primeiro, aquele que eu e o Guilherme sempre falamos, ou as vezes. Nós estudamos juntos! Nós três.

Lari: aaaaah' é!

Mari: Se lembra do Guilherme? - ela disse olhando pro Mario, é.

Mario: Guilherme? Ah' o cabeça?

Mari: Esse mesmo!

Lari: O quê? Cabeça? Como assim? - comecei a rir.

Karina: É, eu to boiando aqui! - ela disse cruzando os braços.

Mari: Eu explico, pode ser? É que no PRÉ, um dia o Guilherme bateu a cabeça na mesa da professora, todo mundo tinha visto e começaram a chamar ele de cabeça. Mas por pouco tempo...

Mario: Até eu vir pra Minas.

Mari: Isso mesmo!

Lari: Entendeu. Cara, eu vou zoar ele demais com isso... haha' - não parei de rir.

Karina: Esse Guilherme ai, é amigo de vocês?

Mari: É, nosso amigo.

Karina: E ele é bonito?

Lari: Bonito? ôôôh' se é! Gato demais. Deus grego. Você nem imagina!

Mari: Larissa Costa, não exagera tá?

Lari: Ele é meu amigo, tenho que falar bem dele.

Mari: Mas você tem um Boyfriend! E exagerou demais.

Mario: Você tem namorado? - disse surpreso.

Lari: Tenho! Por quê?

Mario: Nada não. - ele disse e saiu.

Karina: O que aconteceu aqui?

Mari: O Mario gostou da Lari? - ela disse olhando pra mim.

Lari: Tipo, como assim?

Karina: Larissa, você é uma gata!

Mari: Disso todo mundo sabe e nosso primo soube logo quando olhou pra você. - ela olhou pra mim.

Lari: Nossa meu, pra que tudo isso? Não dizem que todas as garotas lindas tem namorado?

Karina: É verdade! Mas vamos conhecer o resto da família. - ela disse andando e uma menina apareceu correndo - Ah' essa é minha irmã, Sophia.

Lari: oooooi Shopia! Quantos anos você tem?

Shopia: 10! Você é muito linda, sabia? Tem namorado?

Lari: Obrigada. Sim, eu tenho namorado!

Mari: Isso é só com as visitas. - ela sussurrou.

Karina: Vem meninas!

Continua! com comentários...

 ooooooooooooooi meninas! Tudo bem? Eaí, gostaram desse capítulo? Eu sei que muitas de vocês não gostaram do final de 'Pick Me', mas agora eu to aqui pra postar FOLLIES OF LOVE, flw? Sempre vou postar só essa história até ter o Final da 5ª temporada de Pick Me aqui no blog, eu sei que vai demorar, porque não estou tendo muito tempo, mas esse dia vai chegar, com toda a certeza. Olha, eu também vou demorar pra postar Follies Of Love, mas também depende dos comentários e da minha falta de tempo, porque estou tendo muito. ¬¬' Espero que tenham gostado desse capítulo! Continuo com comentários. Xoxo Mariih' :*

sábado, 21 de julho de 2012

Pick Me - 4ª Temp. - Part. 12 - Never Look Back . (THE END!)

Antes(...) Christopher: E tem mais...
Rihanna: Você disse pra ela que não queria viver com uma pessoa estérea, por isso que ela foi embora e está decidida que quer o divórcio ainda hoje.
Justin: Eu não acredito que eu fiz tudo isso! Só pode ser brincadeira. - me sentei no sofá com tudo.
Christopher: Você precisa falar com ela sobre isso.
Justin: Mas eu não sei onde ela está.
Rihanna: Está no antigo apartamento dela, no prédio da Katy.
Justin: Eu vou pra lá agora!


Agora...


P.O.V Jasmine

 Não dormi a noite inteira! Agora de tarde chamei a Katy aqui pra conversarmos, ela acabou de chegar.

Katy: O que aconteceu? Por que está aqui? - ela disse colocando a bolsa no sofá e vindo em minha direção.

Jasmine: Primeiro me abraça... - disse e ela me abraçou, depois nos sentamos.

Katy: Me diz o que aconteceu, irmã.

Justin: Foi o Justin! - abaixei a cabeça.

Katy: O que foi que o Justin fez?

Jasmine: Bom... ontem eu contei pra ele que sou estérea, ai ele ficou chateado e foi beber, ficou bêbado e chegou de madrugada, eu acordei e ele ainda estava bebendo, então ele me disse que não queria viver com uma estérea e depois me deu um tapa. Tipo, depois que ele bateu na Selena, ele se prometei que nunca mais ia bater em mulher nenhuma. Ai ele vem e faz isso comigo?

Katy: Eu não sei o que dizer! Sinto muito. - ela disse e me abraçou, depois me afastei - O que você vai fazer?

Jasmine: Vou me divorciar dele! Eu sabia que depois que eu contasse isso pra ele, tudo o que está acontecendo, ia acontecer.

Katy: Jasmine, é melhor você falar com ele primeiro...

Jasmine: Eu não vou falar com ele! - eu disse e ouvi a campainha.

Katy: Eu atendo! - ela se levantou e foi até a porta, abriu e quem eu vi?

Jasmine: Afff' tchau! - disse baixo e me levantando, subi correndo e fui pro meu quarto, entrei e tranquei a porta, depois me deitei na cama, algum tempo depois e alguém bateu na porta - VAI EMBORA! - gritei.

Katy: Jasmine, sou eu! Abre essa porta agora. - ela disse com voz de brava.

Jasmine: - me levantei indo em direção a porta - O Justin Bieber está ai? Se estiver, eu não abro.

Katy: Ele não está aqui. Abre logo essa porta, mulher!

Jasmine: Tá bom... - disse e abri - cadê ele? tá escondido? - sai e fiquei olhando no corredor.

Katy: Para de bancar a criança! Você tem 20 anos, já é uma mulher adulta.

Jasmine: Eu sei... - entrei, fechei a porta e me sentei na cama - o que ele queria?

Katy: O que você acha? Conversar com você!

Jasmine: E o que tu disse?

Katy: Eu conversei um pouquinho com ele e depois disse que ia te chamar...

Jasmine: Eu já disse que não vou conversar com ele? Ah' é, disse!

Katy: Vai sim! Como você vai resolver as coisas sem conversar? E anda logo!

Jasmine: Okay! Eu vou... - disse e desci pra sala, quando ele me viu ficou todo alegre.

Justin: Jas! - ele disse sorrindo e se aproximando.

Jasmine: Não me chama de Jas e não encosta em mim, entendeu?

Justin: Tá, mas vamos conversar? - ele disse se sentando no sofá e eu me sentei.

Jasmine: Tá bom! Pode começar. - disse e sorri forçado.

Justin: Primeiro... eu nunca quis te bater. E aquilo que eu disse, foi sem pensar. Eu estava bêbado e não tinha noção do que estava fazendo ou falando.. eu te amo.

Jasmine: Agora eu posso falar? - ele assentiu - Obrigada! Primeiro... você fez uma promessa e a descumpriu! E segundo... eu não to nem ai se você estava bêbado, eu não posso te dar um filho e você sempre quis um.

Justin: Mesmo assim eu quero ficar com você...

Jasmine: Não, não quer! Disse que não quer viver com uma pessoa estérea. Qualé, minha mãe verdadeira era estérea e mesmo assim nasceu a Katy e depois eu! - eu disse e ele ficou quieto - Eu quero o divórcio. - disse com uma cara não muito boa.

Justin: O QUÊ? Eu não vou me divorciar de você!

Jasmine: Você prefere o divórcio ou ir pra cadeia? Pode escolher, eu deixo.

Justin: Você não pode fazer isso comigo!

Jasmine: Você fez o que fez comigo e eu to reclamando? Não, né?!

Justin: Okay... eu não vou brigar por causa disso.

(...)

Sim! Eu me divorciei dele. Mesmo tendo que ir em Las Vegas pra fazer isso. Já estou em Geórgia. Agora que estou divorciada, eu não sei mais o que fazer da vida. O Scooter me ligou e disse que queria ter uma conversa comigo e o Justin juntos. Veja só que sofrimento! Sabe como foi a conversa? Ele disse que o Justin vai participar de uns show's meus e eu em uns show's dele. MEU, estamos divorciados... pena que o Scooter não sabia. Parece que minha vida virou de cabeça pra baixo. Eu nunca vou me esquecer do que o Justin fez comigo, não sei se um dia vou conseguir perdoar ele. Talvez sim, talvez não. Mas por enquanto, não. Sério, eu não sei se vou aguentar tudo isso por muito tempo! Deixa, não vou olhar pra trás pelo o que acabei de fazer. Eu vou morrer, é isso.

                                             The End !


Recadinho: oooooooooooi meninas! Tudo bem com vocês? Ai, esse foi mais um "The End" falso, por quê? Claro, o verdadeiro vai ser o da 5ª temporada, que eu vou demorar 1 ano pra postar, ta exagerei, eu vou demorar, mas não sei quanto tempo, porque tipo, eu ainda tenho muito coisa pra escrever aqui, Follies Of Love e Pick Me também, ai como as postagens de F.O.L ta acabando, eu tenho que editar aqui urgentemente, mas e o tempo? Eu não tenho! Esse é um dos problemas, eu posto sempre, porque as postagens sempre estavam aqui á anos, rs' Mas então, eu não vou mais postar nada se você ai, anony continuar comentando mais de 1 vez, isso não é justo comigo, se eu pedi os comentários, eu quero os comentários, mas não repetidos! FLW? Flw. Aí, espero que vocês se contentem com essa postagem de Pick Me, porque eu ainda nem fiz a Sinopse da 5ª temporada, ;S AGORA EU VOU INDO... Xoxo Mariih' :*


PS: Continuo Follies Of Love se tiver comentários aqui, claro que ta pequeno, mas quero comentários. ;)

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Follies Of Love 16º (Ele que começou...)


 Horas depois...

Médico: Parentes de Ryan? - ele apareceu.

Caitlin&Lari: AQUI! - nos levantamos.

Lari: Como ele está?

Médico: Você é o que dele?

Lari: IRMÃ! Ah' diz logo.

Médico: Ele está melhor. Tomou alguns remédio e está pronto pra visitas!

Lari: Eu e minha amiga, nós vamos ver ele.

Médico: Ok, me acompanhem. - ele disse e saiu andando. Eu e Mari acompanhamos ele até o quarto, chegamos lá e tivemos que assinar um negócio lá, depois entramos.

Lari: oooh' meu irmão! - disse me aproximando da cama dele.

Ryan: Larissa? - ele disse e abriu os olhos.

Lari: Sim, sou eu! Meu irmão. - comecei a chorar, não consegui ver ele daquele jeito, deitado na cama de um hospital, era a última coisa do mundo que eu queria ver - Como você está?

Ryan: Eu estou bem melhor. Você veio pra cá só pra ver como eu estava? - disse surpreso.

Lari: Claro, meu irmão! Eu me importo com você.

Ryan: Tá! E a mãe, como está?

Lari: Eu não sei, falei com ela uma vez e pra perguntar sobre você, ela não quis nenhum pouco falar comigo.

Ryan: Porque você ficou 1 ano sem falar com ela.

Lari: Eu tenho os meus problemas! E eu estava até pensando em ir pra Minas com a  Mari.

Ryan: Mari? - ele estranhou.

Mari: Mari sou eu! Prazer, Ryan. - ela se  aproximou da cama.

Ryan: Prazer! - ele sorriu - Você vai ficar aqui por quanto tempo?

Lari: Até você sair desse hospital! Ah' a Caitlin é sua namorada?

Ryan: Você já viu ela?

Lari: Vi sim! Ela é linda, hein...

Ryan: É, né?! - ele sorriu fraco.

Lari: Ryan, você vai voltar pro Brasil?

Ryan: Voltar pro Brasil? Claro que sim! Mas não agora.

Lari: A Dona Melaine deve estar preocupada com você.

Ryan: Eu sei! Mas eu não vou deixar a Caitlin aqui.

Lari: Você se importa mais com a sua namorada do que com sua mãe?

Ryan: Não, Larissa! Mas eu amo a Caitlin.

Lari: Você não ama sua mãe?

Ryan: Amo! Ah' para de me fazer escolher.

Lari: Eu só sei que ela vai ficar muito decepcionada com você.

Ryan: Não, não vai! A última vez que eu falei com ela, ela disse que eu podia morar aqui se eu quisesse e eu quero.

Lari: Okay! Faz o que você quiser. - disse limpando uma lágrima.

Ryan: Lari, não fica assim...

Lari: Desculpa! Eu nem deveria estar aqui. estava pensando em ver a nossa mãe, mas ela me odeia. Quer saber? Vou voltar pra São Paulo hoje mesmo. - sai andando, mas a Mari me parou.

Mari: Larissa! Você não vai fazer isso. Seu irmão está no hospital e você não vai pro Brasil até ele sair daqui.

Lari: Tá bom! Ah' Ryan, vou ligar pra mãe e dizer que está tudo bem com você. Bye! - disse e mandei um beijo no ar.

Mari: Tchau Ryan...

Ryan: Tchau!

Lari: - sai do quarto e fui em direção ao elevador, quase correndo.

Mari: LARISSA! PARA COM ISSO. - paramos em frente do elevador.

Lari: Meu irmão não me ama, como você quer que eu me sinta?

Mari: Calma! Para de surtar. - entramos no elevador.

Lari: Vou ligar pra Melaine. - peguei o celular e liguei - Alô! Oi Melaine, é você?

(...)

Lari: Sua filha maravilhosa! Não reconheceu minha voz? - disse ironicamente.

(...)

Lari: Estou em Atlanta, mamis.

(...)

Lari: O Ryan? Ele está bem melhor! E por sua culpa, não vai voltar pro Brasil tão cedo.

(...)

Lari: É sim!

(...)

Lari: Tá bom! Não quero saber.

(...)

Lari: Não! Você não me odeia? Vou visitar a família da Mari, com ela, tá bom pra você? Não vai nem sentir meu cheiro. *ri*

(...)

Lari: Você me odeia, isso basta! To indo, bye. - desliguei na cara dela

Mari: LARI! Você foi grosseira. - saímos do elevador.

Lari: Ela foi grosseira porque não me disse como o Ryan estava.

Mari: Ela é sua mãe!

Lari: Eu já estou bem grandinha pra ficar ouvindo lição de moral.

Mari: Tá bom! Vá pra São Paulo ficar com o seu namorado.

Lari: O JUSTIN NÃO É MEU NAMORADO!

Mari: TÁ! Pra onde nós vamos?

Lari: Sei lá, starbucks?

Mari: WOW! Agora você falou a minha língua. - ela disse animada - Onde tem?      

Lari: Tem um aqui perto.

  Fomos até o Starbucks que tinha ali perto, entramos e eu vi que era enorme, muito maior dos que tem no Brasil Fiquei encantada! Nos sentamos em uma mesa e uma moça nos deu os cardápios, olhei e só tinha coisa boa. Peguei meu celular, estava animada demais, entrei no Twitter e tuitei "Estou em um Starbucks  de Atlanta! Encantador. Não vou sair daqui nunca. *-*". Mari e eu fizemos nosso pedidos, eu tirei umas fotos, do Starbucks, da gente e dos bolinhos maravilhoso. Postei tudo no meu Instagram. Ai depois vi uma reply do Justin escrita "Curtindo sem mim, né? haha" mandei outra reply pra ele escrita "Se você visse onde eu estou, ia querer curtir também! Esse Starbucks é o paraíso. >*.*<", ficamos mandando reply's um pro outro, depois Mari e eu voltamos pro Hotel, eu estava um pouco cansada, fui pro meu quarto, peguei meu Note e entrei no Twitter de novo, vi que o Guilherme estava Online, os três.

@Laah_Oliiveira : O Guilherme deve estar fazendo uma festa no meu AP. KKKKKK ;* - sim, foi uma indireta.

@Guii_ : (Obs: twitter inexistente, mas se existe o problema não é meu, inventei.) @Laah_Oliiveira não se preocupa! Seu AP está intacto. Eu tenho o meu pra me gabar, okay?

@Laah_Oliiveira: @Guii_ Tá, né!

 A conversa não acabou ai, ficamos conversando demais, como o Justin estava Online ainda, ele ficou com ciúmes e os dois ficaram discutindo. Só que eu acabei com aquilo tudo! O Guilherme odeia discutir com um "namorado" meu, ele surta de vez. Não queria que ele surtasse e contasse pro Justin que a gente já transou. Sim, ele tem coragem de fazer isso! Ele é louco. Então o Justin saiu, o Guilherme e eu sai também, ai o Justin ligou pra mim.

Lari: Oi gato!

Justin: oooi, eaí como você está?

Lari: To louca! Odeio ver alguém discutindo por causa de mim, ainda mais por ciúmes.

Justin: Seu amiguinho é muito sem vergonha!

Lari: Para com esses ciúmes bobo, Justin.

Justin: Ele que começou... a culpa não foi minha.

Lari: Ele começou por causa da sua indireta magnífica.

Justin: Eu fiquei irritado! Que saco.

Lari: Então tá, mas para de ciúmes. O Guilherme é meu amigo...

Justin: Mas ele gosta de você.

Lari: Como assim? Claro! Ele é meu amigo.

Justin: Você me entendeu muito bem, ele não gosta de você como amigo.

Lari: Do que você está falando?

Justin: Se você não sabe, é melhor eu desligar!

Lari: Justin, você não vai fazer isso.

Justin: Me dá um motivo?

Lari: O primeiro motivo é que não tem motivo e segundo motivo é que eu gosto de você, não precisa ficar com ciúmes por uma bobagem.

Justin: Tá bom! Vou parar com isso, mas primeiro vou ver se consigo.

Lari: Olha, você pode ser ciumento assim, mas eu sou muito mais! Você não viu nada.

Justin: Eu não quero nem te ver com ciúmes.

Lari: É isso aí! Pense assim por enquanto.

Justin: Mas me diz como seu irmão está.

Lari: Eu fiquei algumas horas no hospital com a Mari, ai quando fui ver ele, ele estava bem melhor.

Justin: Que bom! E você vai mesmo trazer ele pro Brasil?

Lari: Não! Ele está namorado e não quer deixar a namorada dele aqui.

Justin: aaaah' então você não vai pra Minas?

Lari: Claro que eu vou! Mas não ver minha família. Minha mãe me odeia e quero que fique por isso mesmo.

Justin: Então o que você vai fazer em Minas?

Lari: Vou visitar família da Mari, vamos ficar lá uns 3 ou 5 dias.

Justin: Vai me deixar com mais saudades ainda.

Lari: aaaah' desculpa, Jus! Eu também estou com saudades e vou ficar mais ainda.

Justin: Você me chamou de quê?

Lari: De Justin! Por quê?

Justin: Não, não! Você me chamou de Jus.

Lari: Ficou bravo? Se quiser eu não te chamo mais assim.

Justin: Para com isso... eu não fiquei nem um pouco bravo.

Lari: aaaah' não? Pensei que tinha ficado!

Justin: TÁ! Olha, eu vou contar os dias pra você voltar.

Lari: Awwwwwn' que fofo! Eu também. Tô louca pra te ver de novo.

Justin: Hum... será? Larissa Costa está mesmo com saudades de Justin Bieber?

Lari: HAHA' seu bobo! Claro que estou com saudades.

Justin: OKAY! Ah' sabia que as pessoas do twitter não acreditaram que você está em Atlanta?

Lari: PROBLEMA! Não quero saber. Não preciso que eles acreditem que eu estou aqui pra ser feliz.

Justin: Então você deve estar bem feliz, né?

Lari: Nem tanto! Por causa da minha mãe.

Justin: Larissa, por que você não fala pra ela que está namorando? Talvez ela mude de opinião em relação á você.

Lari: Namorando ou não, minha mãe vai continuar me odiando.

Justin: Olha, você não tem tanta culpa assim! Se você não dava notícias, você teve um motivo, né?

Lari: Claro! Tipo, 1 ano não é muito tempo pra ela começar a me odiar.

Justin: Então... sabe o que você pode fazer?

Lari: O quê?

Justin: Me apresentar pra ela.

Lari: Posso! Mas como?

Justin: Isso nós resolvemos depois. primeiro vai conhecer a família da Mari, ai quando voltar a gente resolve tudo, okay?

Lari: Okay! Mas eu acho que não vai mudar nada.

Justin: Vai mudar sim...

Lari: Você não conhece a Dona Melaine.

Justin: É por isso mesmo que quero que me apresente pra ela! Vou conhecê-la e nós dois vamos mudar a opinião dela sobre você.

Lari: Então tá! Está mesmo disposto a fazer tudo isso?

Justin: Aham! E quando você voltar, a primeira coisa que vai fazer, é terminar sua faculdade.

Lari: Ahn? Quê? Justin, eu não ouvi isso.

Justin: Tá surda? É isso mesmo!

Lari: Como você sabe que eu não terminei minha faculdade?

Justin: Quer que eu diga sinceramente?

Lari: Claro, baby!

Justin: Foi sua amiga que me disse, a Mari.

Lari: Mas como?

Justin: Ela me mandou uma DM no twitter.

Lari: Eu vou matar a Mari! - disse nervosa.

Justin: Gata, não fica nervosa. Você fazia faculdade de quê?

Lari: Jornalismo!

Justin: Faltava quanto tempo pra terminar?

Lari: Uns 11 meses...

Justin: PERFEITO.

Lari: O que você está planejando?

Justin: Depois eu te conto, gata! Agora eu tenho que sair. Beijos! - ele disse e desligou.

Lari: JUSTIN? JUSTIN! ARGH' o viado desligou. - disse me levantando da cama - MARIIIIIII! - gritei e sai do quarto aos nervos.

Mari: O que foi, Larissa? - ela apareceu com o macbook na mão e assustada.

Lari: Você sabe o que fez?

Mari: O que eu fiz? - ela disse olhando pra tela do macbook.

Lari: OLHA PRA MIM, PRIMEIRO! - disse alto.

Mari: - ela olhou - O que foi?

Lari: Primeiro, você fez uma coisa que não deveria ter feito e segundo, para de se intrometer na minha vida! - disse e fui pro meu quarto batendo os pés. Cheguei lá, tranquei a porta e me deitei na cama de bruços, a Mari logo em seguida batei na porta - Me deixa em paz, garota. - gritei.

Mari: Lari, por favor! Deixa eu entrar. Por que você está assim? O que eu fiz?

Lari: Você não vai querer saber!

Mari: Se eu estou perguntando, é porque eu quero saber.

Lari: TÁ BOM. - me levantei e abri a porta - Entra logo! - fechei a porta.

Mari: Agora me fala.

Lari: Por que você disse pro Justin que eu não tinha terminado a faculdade?

Mari: Ahn... ele que me perguntou!

Lari: ARGH' eu vou ter que terminar a faculdade.

Mari: Por quê?

Lari: Ideia do Justin, só não sei o que ele vai querer com isso.

Mari: Não será uma vida melhor pra você?

Lari: Pode ser! Se eu terminar a faculdade, eu posso arrumar um emprego de Jornalista. O que eu sempre quis...

Mari: Você não queria fazer faculdade de Engenharia?

Lari: Queria! Mas como comecei a de Jornalismos, vou ter que terminar.

Mari: Tá, mas e depois?

Lari: SEI LÁ. Ele quer conhecer minha mãe! E mudar a opinião dela sobre mim.

Mari: aaaah' ele vai fazer sua mãe não te odiar mais. - o silêncio nos dominou, até ela dizer - Já pensou você de roupa social?

Lari: Eu nunca cabeira em uma roupa social.

Mari: Se você for uma jornalista, vai ter que usar.

Lari: Com essa bunda enorme que eu tenho, nunca vou entrar em uma roupa social! - disse rindo.

Mari: O Justin te ajuda, é claro.

Lari: Tá bom, agora sai do meu quarto! Preciso pensar bastante sobre isso.

Mari: Desciupa aê... - ela disse saindo.

Continua! com 5 comentários...

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Pick Me - 4ª Temp. - Part. 11 - Só decepção!

Antes(...) Jasmine: Você está querendo me dizer que minha mãe não é minha mãe? É  minha irmã?
Katy: Era! É Jasmine, eu sou sua irmã.
Jasmine: E por que nunca me disseram?
Katy: Estava esperando o momento certo.
Jasmine: Tá bom... vamos embora!
Andressa: Isso está parecendo um filme baseado em fatos reais.
Katy: Cala a boca, Andressa!

                                                   ...

Agora...


1 ano depois... 22/08/2014.

  1 ano se passou depois daquelas duas grandes notícias que eu recebi. Sou estérea e a Katy é minha irmã. Dessas notícias eu só contei uma pro Justin, então... agora estamos de férias porque umas semanas atrás fizemos 1 ano de casamento. Agora estamos aqui sentados no sofá e vendo Bob Sponja. Sabe, eu comprei vários DVD's diferentes dele, Justin e eu assistimos todos os dias.

Jasmine: Baby, eu preciso te dizer uma coisa! - eu disse olhando pra ele.

Justin: - ele olhou pra mim preocupado - Pode dizer, meu amor... - ele sorriu.

Jasmine: É difícil demais eu te dizer isso. Ér... eu... sou... estérea! - disse pausadamente e ele arregalou os olhos.

Justin: Estérea? Como assim?

Jasmine: Eu fiz o exame e deu positivo!

Justin: Quando você fez o exame?

Jasmine: Ano passado! - abaixei a cabeça

Justin: E não me disse nada?

Jasmine: - olhei pra ele - Eu estava esperando o momento certo! Não queria que você ficasse chateado.

Justin: - ele estava com cara de bravo - Como você acha que eu estou agora? - ele se levantou e depois subiu.

Jasmine: Eu sou uma burra! - disse comigo mesma. Fiquei ali sentada no sofá, abraçada com minhas pernas e assistindo Bob Sponja, não sai do lugar até de noite, quando o Justin desceu as escadas todo apressado - Aonde você vai?

Justin: Lugar nenhum! - ele disse sem olhar pra mim e saiu.

Jasmine: Como assim, lugar nenhum? Com certeza ele está chateado.

  Odeio demais ficar brigada com o Justin. Tá bom, não é a primeira vez! Eu sei que ele quer ter filhos, mas o que eu posso fazer? Nada, né!? Me levantei e fui até a cozinha, ainda estou comendo comidas saudáveis. Peguei um iogurte light na geladeira, vi que estava morrendo de sono, não conseguia deixar os olhos abertos. Subi pro quarto, me deitei na cama e adormeci logo em seguida. Acordei com um barulho vindo de lá de baixo, vi que ainda estava de noite e era 3 horas da madrugada, desci pra sala e vi Justin com uma garrafa de uísque na mão.

Jasmine: JUSTIN! O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO? - me aproximei e peguei a garrafa da mão dele.

Justin: Me dá essa garrafa! - ele olhou pra mim e pude ver seus olhos vermelhos, ele estava bêbado.

Jasmine: Justin Bieber, como você teve coragem de beber?

Justin: Precisa de coragem pra beber? - ele se levantou e tentou pegar a garrafa.

Jasmine: Precisa, sim! Ninguém bebe de raiva, como você fez.

Justin: Eu bebi porque eu quis!

Jasmine: MENTIRA. Você ficou com raiva de mim e foi beber...

Justin: Claro!

Jasmine: Me diz, você acha que eu tenho culpa de ser estérea, hein? - encarei ele que soltou a garrafa.

Justin: Não! Mas eu quero ter filhos, não quero viver com uma pessoa estérea.

Jasmine: Ah' não quer? Então eu vou sumir da sua vida! - entreguei a garrafa pra ele e sai andando, mas ele pegou no meu braço - ME SOLTA! Eu já disse, vou sumir da sua vida.

Justin: Jasmine, me escuta. - ele pegou nos meus dois braços - Eu te amo!

Jasmine: Ama nada! Você está bêbado, não tem noção do que está falando e está me machucando. ME SOLTA, DESGRAÇADO! - eu disse alto e ele me soltou, depois me deu um tapa que eu fui parar no chão, coloquei a mão no rosto e comecei a chorar, ele não cumpriu com sua promessa! >'.'<  - Você... você me prometeu! Disse que nunca mais ia bater em uma mulher, você me enganou, você se enganou.

Justin: Jasmine...

Jasmine: Jasmine, nada! Você não me ama, você nunca me amou. Eu nunca mais quero te ver em toda a minha vida! Eu vou sair dessa casa e da sua vida o mais rápido possível. - disse me levantando do chão e subi pro quarto, eu ia sair dali agora mesmo, não quero saber se está tarde. Arrumei algumas coisas minhas e depois me arrumei, peguei as malas e desci, Justin estava do mesmo jeito, bebendo uísque, eu sai e ele nem viu. Tirei meu carro da garagem e fui em direção ao Prédio da Katy, ela comprou ele, cheguei e fui ao antigo apartamento, coloquei minhas coisas no quarto e claro, fui dormir, mas não consegui...

No dia seguinte... 23/08/2014.

P.O.V Justin

  Acordei e vi que estava no sofá, minha cabeça está doendo demais! Me levantei e fui pro quarto, entrei e a Jasmine não estava lá, o que foi que eu fiz? Preciso me livrar dessa ressaca e lembrar o que aconteceu. Tomei um banho, troquei de roupa e vi que era 15:35min, fui pra sala e fiquei vendo TV. A única coisa que não saia da minha cabeça, era o que eu tinha feito. Algum tempo depois, ouvi a campainha e fui atender, era o Chris e a Rihanna, eles pareciam estar bravos.

Justin: Aconteceu alguma coisa? - disse preocupado.

Christopher: Mano, eu que te pergunto...

Justin: Do que você está falando?

Rihanna: Da Jasmine, é claro!

Christopher: O que aconteceu aqui?

Justin: Eu não sei! Não me lembro.

Rihanna: Deveria lembrar, mas a Jasmine nunca vai se esquecer do que você fez com ela...

Justin: O que eu fiz? - eu estava completamente aflito, eu fiz algo de errado que nem eu mesmo sei.

Christopher: Bateu nela! Mano, eu pensei que você nunca faria isso. Estou muito decepcionado com você.

Rihanna: É Justin! E a Jasmine não quer te ver nem pintado de ouro.

Justin: Mas eu estava bêbado! Não sabia o que estava fazendo.

Rihanna: Olha Justin, ela disse que você prometeu pra si mesmo que nunca mais ia bater em mulher nenhuma.

Justin: Aham! Eu prometi. E fui um idiota de ter descumprido a minha própria promessa.

Christopher: E tem mais...

Rihanna: Você disse pra ela que não queria viver com uma pessoa estérea, por isso que ela foi embora e está decidida que quer o divórcio ainda hoje.

Justin: Eu não acredito que eu fiz tudo isso! Só pode ser brincadeira. - me sentei no sofá com tudo.

Christopher: Você precisa falar com ela sobre isso.

Justin: Mas eu não sei onde ela está.

Rihanna: Está no antigo apartamento dela, no prédio da Katy.

Justin: Eu vou pra lá agora!

Continua! com comentários...


   ooooooooooooie, olha eu aqui! Vish' me desculpem pela postagem horrível, só que mais coisas vem por ai na próxima temporada, eles não vão continuar assim, flw? Não se preocupem, no final tudo vai dar certo. :) Mas por enquanto, é isso o que está acontecendo, umas das coisas que ninguém queria que acontecesse, né? Enfim... espero que tenham gostado desse capítulo, mesmo eu tendo a sensação que não, mas olha eu continuo com comentários, nem peço a quantidade, porque o estrago desse capítulo que eu fiz, não merece tantos comentários. Então, muito obrigada pelos elogios e pelo carinho, amei os comentários de vocês. Xoxo Mariiih' :*

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Follies Of Love 15º (Somos brasileiras.)


 No Brasil...

P.O.V 3ª Pessoa

  Guilherme, ex-namorado de Larissa chega no Prédio querendo falar com a mesma, ficou discutindo com porteiro porque ele não quis falar nada, até o Guilherme, amebinha da Mari, chegar. Os dois queriam subir pro apartamento da Larissa, um queria queria falar com a Mari e o outro com a própria Larissa, então mais um Guilherme chega. (Obs: Guilherme, é o amigo da Lari e Mari, Guilherme¹ é o ex da Lari, Guilherme² é o que a Mari gosta. Só pra não se confundirem com tantos Guilherme's.)

Guilherme: O que está acontecendo aqui?

Guilherme²: E quem é você?

Guilherme: Quem é você pra fazer todo esse escândalo no prédio?

Guilherme¹: Ah' ele é amigo da Larissa e da Mari.

Guilherme: É isso mesmo! Quem são vocês?

Guilherme²: Meu nome é Guilherme.

Guilherme¹: E o meu também.

Guilherme: E o meu também!

Guilherme²: Já que você é amigo da Mari, pode me dizer onde ela está?

Guilherme: Como eu vou saber?

Porteiro: Olha, nenhuma das suas estão aí!

Guilherme¹: E estão aonde?

Guilherme: Ah' eu acho que elas foram pra Atlanta!

Guilherme²&Guilherme¹: ATLANTA? - disseram assustados.

Guilherme: É e pra que vocês estão assim? A Larissa já tem namorado e você... não gosta da Mari.

Justin: Namorado da Larissa chegando! - disse entrando no prédio.

Guilherme: Ai Guilherme, conversa com  ele agora.

Justin: Falar com quem? Quem são vocês?

Guilherme¹: Eu sou ex-namorado da Larissa.

Guilherme: E eu sou amigo dela.

Guilherme²: Eu não sou nada dela!

Justin: aaaah' vocês são os Guilherme's?

Guilherme: Isso mesmo! Ah' cadê a chave? - disse olhando pro porteiro.

Porteiro: Está aqui! - disse entregando a chave pra ele.

Guilherme: Eu vou indo... - disse andando.

Justin: Perae! A Larissa deixou a chave do apartamento dela pra você?

Guilherme: Claro! Amigos amigos, apartamentos com o amigo. - disse ele rindo e entrou no elevador.

Justin: Que safado. - sussurra.

Guilherme¹: Eu também vou embora!

Guilherme²: Eu também. - disse e os dois foram embora.

Justin: Meu celular! - sente o celular vibrando no bolso da calça e pega - Mensagem da Larissa... - entra no elevador.

 P.O.V Justin

 Larissa me mandou uma mensagem escrita: "ooooie! O que está fazendo?" e eu respondi "oooooi! Estou com saudades de você e no elevador. :)". Alguns minutos depois, o elevador se abriu, eu fui pro AP e me joguei no sofá, logo em seguida meu celular tocou, era a Larissa

Justin: Oi Lari!

Lari: Oi Justin! Tudo bem?

Justin: To bem sim... e você?

Lari: To ótima! Mas não vi meu irmão ainda.

Justin: E por quê? Você não conhece Atlanta?

Lari: Conheço sim! Mas eu cheguei aqui 7 horas da manhã e não dormi a viagem toda pensando em como meu irmão pode estar.

Justin: aaaah' que pena! Mas não fica assim não, seu irmão deve estar bem melhor.

Lari: Eu sei, só que minha aflição não acaba.

Justin: Se acalma! Me diz uma coisa, seu irmão está ai em Atlanta com quem?

Lari: Então, ele está fazendo intercâmbio aqui e deve estar com uma família que eu nem sei quem é.

Justin: Quando você chegar no hospital, com certeza vai conhecer eles.

Lari: É, né! Mas então... como que está ai?

Justin: Nada bem!

Lari: Por quê? Aconteceu alguma coisa?

Justin: Não! É que você nem está aqui comigo.

Lari: Awwwwn' que fofo! Está assim só por causa disso?

Justin: Também. Ah' eu conheci seu amigo!

Lari: Amigo? Qual amigo?

Justin: O Guilherme!

Lari: Guilherme? Hum... eu conheço 3 e só  1é meu amigo.

Justin: Esse mesmo! Mas então, você confia bastante nele, né? (Ciúmes Mode On)

Lari: Que papo é esse, Justin?

Justin: É que o porteiro do prédio deu a chave do seu AP pra ele. E seu ex-namorado estava te procurando, querendo subir pro seu apartamento. Aquele outro Guilherme também, procurando sua amiga.

Lari: Então tá né! Mas eu vou desligar agora, vou visitar meu irmão. Mais tarde eu te ligo, okay? Tchau, tchau!

Justin: Tá bom então, tchau! - disse e ambos desligaram - Essa Larissa é fogo, hein?! - disse jogando meu celular no sofá.

P.O.V Larissa

  Desligamos o telefone, e...

Mari: Já se falaram, né? Então vamos logo pro hospital!

Lari: HEY! Não vai ligar pra sua ameba saltitante? - eu disse rindo.

Mari: LARISSA! Para de chamar o Guilherme de ameba.

Lari: Você sabe muito bem que eu não gosto nem um pouco dele...

Mari: Depois quando você conhecer ele, você vai mudar de ideia, com certeza!

Lari: NEM A PAU, JUVENAL! - disse e ri - Vai ligar pra ele, ou não?

Mari: Não! Porque eu não disse pra ele que ia vir pra cá.

Lari: E nem era pra dizer, você não namora com ele.

Mari: Tem razão! Mas vamos logo? - disse me puxando.

Lari: Vamos!

  Saímos do Hotel, pegamos um táxi e fomos pro Hospital, chegamos lá, fui na recepção e perguntei em que quarto meu irmão estava, uma mulher me disse que era no andar de cima, eu e a Mari fomos lá, tinha uma sala de espera e um monte de quarto, fui até o quarto e tinha uma enfermeira na porta conversando com um médico.

Lari: Licença, quem está nesse quarto?

Médico: Um rapaz. Seu nome é Ryan.

Lari: OMG' é meu irmão! Eu posso vê-lo?

Médico: Por enquanto não...

Lari: Mas por quê? - disse indignada.

Médico: Estamos fazendo alguns exames e não dá pra senhorita vê-lo.

Lari: Então tá! - disse e olhei pra Mari.

Mari: Não olha assim pra mim... também queria ver seu irmão.

Lari: Vamos pra sala de espera. - disse andando, fomos pra sala de espera, nos sentamos, lá tinha uma família inteira, tinha uma garota chorando e um garoto consolando ela - Mari, será que é essa família que está com o meu irmão?

Mari: Não sei! pergunta.

Lari: Você vem comigo? - me levantei.

Mari: Tá bom!

Homem: Hey! Vocês são brasileiras? - disse um homem sentado do lado de uma mulher.

Lari: Sim! Somos brasileiras. - disse em inglês.

Garota: Você é a irmã do Ryan?

Lari: Depende de qual Ryan você está falando.

Garota: Seu nome é Larissa, né?

Lari: Sim! Você conhece meu irmão?

Garoto: Eles são namorados.

Lari: Namorados? - disse assustada - Mas ele nunca me disse isso. Putz! esqueci que faz 1 anos que não falo com ele. - as últimas palavras eu disse em português.

Mulher: O que você disse?

Lari: Ah' nada não! Olha, essa é minha amiga, Mari.

Garoto: Meu nome é Christian.

Garota: Meu nome é Caitlin.

Homem: Meu nome é Matthew.

Mulher: E meu nome é Katherynn. (Obs: eu não coloquei os nomes certos dos pais deles, flw? FLW.)

Mari&Lari: Prazer! - sorrimos.

Lari: Então, como meu irmão está?

Caitlin: Não sabemos! Só depois dos exames.

Lari: Quanto tempo ele está aqui?

Matthew: Vai fazer 1 ano.

Lari: E ele já terminou o intercâmbio?

Christian: Terminou sim!

Lari: É, eu vou ter que levar ele pro Brasil.

Caitlin: Como assim? Ele não pode ir pro Brasil! Como eu fico? - ela disse já chorando de novo.

Lari: Desculpa, Caitlin! Mas ele não pode ficar aqui.

Mari: Lari, eu acho melhor você pensar melhor...

Lari: Ele tem que voltar pro Brasil, nossa mãe deve estar muito preocupada com ele. Afinal, ele já ia voltar pro Brasil mesmo.

Christian: Larissa, olha como você deixou minha irmã!

Lari: Desculpa. Primeiro eu vou conversar com ele.

Continua! com 4 comentários...

terça-feira, 17 de julho de 2012

Pick Me - 4ª Temp. - Part. 10 - E lá vem as verdades!

Antes(...)  Os movimentos estavam  rápidos e fortes, estava bom demais... depois eu fiz um sinal pra que ele parasse, ele se deitou do meu lado e disse.

Justin: Que foi?
Jasmine: Cansei! Vamos dormir? - disse abraçando ele.
Justin: Tá bom! - ele disse e me abraço nos cobrindo, fechei os olhos e logo adormeci.

 Agora...


No dia seguinte...  15/08/2013.

  Acordei com o sol batendo no meu rosto. Vi que ainda estava abraçada com o Justin, automaticamente me lembrei da noite de ontem... perfeita! Olhei para os lados e me toquei que a gente estava na casa nova. Me mexi um pouco e logo vi Justin abrindo os olhos aos poucos.

Justin: Bom dia, amor! - ele disse sorrindo e me deu um selinho.

Jasmine: Bom dia, Jubs! - disse e sorri.

Justin: Hum... tantos apelidos. - ele disse rindo e se sentou na cama.

Jasmine: É mesmo! Jus, Ju, Jubs, Biebs, JBiebs, Jay-b e muito mais. - me sentei também.

Justin: É. Vamos conhecer a casa?

Jasmine: Pelados? - disse e nós rimos.

Justin: Claro que não, sua boba! - ele disse e colocou uma cueca.

Jasmine: Vamos tomar banho primeiro? - disse me levantando da cama e me enrolei no lençol.

Justin: Okay! Vamos. - ele disse e pegou uma toalha - Toma! - ele jogou em mim e eu peguei, depois me enrolei nela, entramos no banheiro e tomamos um banho meio demorado, cheio de carícias e beijos. Terminamos e fomos trocar de roupa, depois descemos - O que quer conhecer primeiro? - ele disse quando paramos em frente á escada, lá em baixo.

Jasmine: A cozinha! - eu sorri.

Justin: É mesmo, cozinha lembra comida e comida lembra fome. - ele disse e nós rimos, depois ele me levou até a cozinha.

Jasmine: É linda essa cozinha... - eu disse me sentando em uma cadeira em frente o balcão.

Justin: É mesmo! Eaí, tá com fome?

Jasmine: Aham! Pede Starbucks pra gente? Eu vou colocar algumas coisas na mesa.

Justin: Tá bom... - ele disse e saiu da cozinha.

Jasmine: - abri os armários e vi muita coisa gostosa - NOSSA! MEU DEUS... - peguei uma barra de chocolate - isso sim é o paraíso! Mas eu to gorda. Não vou comer isso, não mesmo. - disse guardando o chocolate. Peguei algumas coisas e coloquei na mesa, alguns minutos depois o Justin apareceu com umas sacolas na mão e colocou em cima da mesa - Já? Que rápido! - disse sorrindo.

Justin: É. Ahn... Jasmine, ainda tem a marca daquilo que eu escrevi no seu braço?

Jasmine: Tem sim! Olha. - disse mostrando meu braço pra ele.

Justin&Jasmine: J+J= Love Forever! - dissemos juntos olhando pro meu braço, depois eu olhei pra ele e ele pra mim.

Justin: Eu pensei que tinha saído! - ele sorriu.

Jasmine: E saiu... essa é só a cicatriz.

Justin: aaaah' tá! Toma. - ele me entregou um copo com Starbucks.

Jasmine: - peguei e tomei, ai nos sentamos - Justin, já tomou café com leite?

Justin: Café com leite? Misturado?

Jasmine: Claro! Mais como seria?

Justin: Sei lá! Nunca tomei.

Jasmine: É maravilhoso...

Justin: Igual o brigadeiro?

Jasmine: Não tão maravilhoso assim, mas é bom.

Justin: Eu quero experimentar isso um dia.

Jasmine: Mais tarde eu faço pra você! - disse e sorri.

Justin: Okay! O que quer fazer hoje?

Jasmine: O que eu quero fazer? - disse revirando os olhos.

Justin: É, Jasmine.

Jasmine: Então Justin, hoje eu tenho que resolver um negócio com a Katy e a Andressa.

Justin: Negócio? De mulher?

Jasmine: Com certeza! Só que é mais tarde e a Katy vai vir me buscar.

Justin: Tá bom... até lá a gente pode namora um pouquinho! - ele disse sorrindo maliciosamente.

Jasmine: Tá, mas me diz uma coisa?

Justin: Que coisa?

Jasmine: - me levantei - Olha bem pra mim, eu to gorda?

Justin: - ele olhou pra mim de cima até em baixo - Gorda? - ele colocou a mão no queixo e fez uma cara estranha.

Jasmine: - me sentei - Eu sabia! Eu to uma baleia. - fiz cara de choro.

Justin: O que eu disse? - ele arregalou os olhos.

Jasmine: A Jazzy está certa, eu to gorda. Só como besteira, nisso que dá!

Justin: JASMINE! Você não está gorda e nunca foi gorda.

Jasmine: Ah' não? - me levantei e subi minha blusa - Olha só o tamanho dessa barriga! Olha só, gordura aqui, gordura ali e esses pneus aqui? Eu to horrível! Uma baleia.

Justin: Villegas, para de drama. Eu já disse, você nunca foi gorda! Para de ter péssimas ilusões com isso, você é linda e não é gorda.

Jasmine: Mas e se eu tivesse, você ia terminar tudo comigo?

Justin: Não! Eu não te amo por causa da  sua aparência, eu te amo por causa do seu interior... você é linda, tá?

Jasmine: Tá bom! - eu sorri.

  Terminamos de tomar café e fomos pra sala que era linda, ficamos vendo Tv, depois almoçamos e quando deu 15:30min a Katy chegou, me despedi do Justin e sai, entrei no carro dela e ela deu a partida. Eu estava aflita e com um receio enorme de eu ser mesmo estérea, chegamos em um hospital, fiz o exame e pá, mas o médico disse que o resultado só ia sair semana que vem, vou ter que voltar depois. =/

  1 semana depois... 22/08/2013.

  É hoje! Estou mais aflita do que semana passada. Katy, Andressa e eu estamos indo pro hospital, pra minha infelicidade, nós chegamos. Entramos e pegamos o resultado.

Katy: Ai Meu Deus! Abre você. - ela disse jogando o envelope pra mim como se tivesse queimado a mão dela.

Jasmine: Abre você! Você que me forçou a fazer isso. - disse devolvendo o envelope pra ela.

Andressa: Não querem abrir, deixa que eu abro! - ela pegou o envelope da Katy e abriu, depois começou a ler - Oh My God... não pode ser.

Jasmine: Me dá isso aqui! - peguei o papel dela e li - Positivo. - disse com a cabeça baixa.

Katy: Deixa eu ver! - ela disse e leu o papel - Ai não...

Jasmine: Por que essas coisas só acontecem comigo? - disse começando a chorar e as duas me abraçaram, uma de cada lado.

Andressa: Não chora, Jas... um dia isso passa!

Jasmine: Não! Não passa. Eu quero ter filhos um dia, só que não posso. O que eu vou dizer pro Justin? Ele vai me odiar! - disse me afastando delas.

Katy: Não fala assim, Jasmine! O Justin não seria tão cruel.

Jasmine: Quer saber? Eu não vou contar nada pra ele. Pelo menos não agora.

Katy: Eu sei que essa não é a hora certa, mas eu preciso muito te dizer isso...

Jasmine: Dizer o quê?

Katy: Minha mãe é sua mãe verdadeira!

Jasmine: - fiquei em choque - C-co-como as-ass-assim?

Katy: Ahn... sua mãe também é minha mãe!

Jasmine: Então você não é minha tia?

Katy: Não! Eu sou sua irmã.

Jasmine: Como?

Katy: Foi assim, ela morreu no seu parto, ai eu cuidei de você até você fazer 4 anos, então eu comecei minha carreira e não tinha tempo, como a Janaina sempre quis ter uma filha e era estérea, ela te adotou, mesmo sendo sua irmã.

Jasmine: Você está querendo me dizer que minha mãe não é minha mãe? É  minha irmã?

Katy: Era! É Jasmine, eu sou sua irmã.

Jasmine: E por que nunca me disseram?

Katy: Estava esperando o momento certo.

Jasmine: Tá bom... vamos embora!

Andressa: Isso está parecendo um filme baseado em fatos reais.

Katy: Cala a boca, Andressa!

                                                        ...

Continua! com 3 comentários...


  Oi mesninas! Tudo bem? Ai, eu sei que esse capítulo ficou péssimo, vocês gostaram? Eu achei péssimo, mas espero que vocês tenham gostado, porque essa temporada está acabando e eu nem terminei de editar a 5ª aqui no blog, ai vou demorar pra postar a 1ª parte. =/ MAS EU VOU POSTAR! E quando terminar todas as Fanfics aqui, (Pick Me e Follies Of Love) vou postar uma Fic, com uma parte só, o que acham? Tipo, eu vou postar uma em todos os blogs que eu tenho. =) Mas então, muito obrigada pelos elogios e pelo carinho, amo muito vocês <3 Continuo com os comentários pedidos. Xoxo Mariih' :*

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Follies Of Love 14º (Apenas com saudades.)


 Chegamos lá e conversamos com os pais dela, eles deixaram na boa, ta comigo ta com Deus. :) Depois eu e a Mari fomos comprar nossas maravilhosas passagens pra Atlanta, voltamos pro meu AP e era quase 6 horas da tarde, chegamos e nos jogamos no sofá, sem querer apertei um botão do telefone com o cotovelo. *-* Mensagem!

Justin: Oi Lari! É o Justin. Eu não queria te incomodar, disse que ia ai quando chegasse do treino. Bom... eu fui. E você não estava, onde será que você está? -risos- Quando chegar, me ligue. Por favor! Beijos.

Mari: Awwwn't que fofo! Liga pra ele, mulher!

Lari: CALMA! Estou ligando. - peguei o telefone e disquei os números dele.

Justin: Alô?

Lari: Oi Justin... é a Larissa.

Justin: ooooooi! Chegou agora?

Lari: É, cheguei.

Justin: Ouviu a mensagem?

Lari: Aham! E tenho que te dizer uma coisa.

Justin: Diga.

Lari: Eu vou pra Atlanta hoje á noite com a Mari. - disse com medo da reação dele.

Justin: Por quê? Assim do nada?

Lari: É que meu irmão está lá e eu vou visitá-lo...

Justin: Não poderia ser outro dia?

Lari: Você não entende! Ele sofreu um acidente de carro em Atlanta. Como eu já estava me preparando pra revê-lo, vou logo visitar ele!

Justin: Então tá, vai visitar seu irmão. Mas quando você volta?

Lari: Esse é o problema! Eu não vou só pra Atlanta, eu vou pra Minas também.

Justin: Como assim?

Lari: Eu vou trazer meu irmão pro Brasil, só que não pra São Paulo, Minas Gerais.

Justin: E isso tudo vai demorar quanto tempo?

Lari: Tipo, eu não sei! Não sei nem se meu irmão está bem ou não.

Justin: Isso quer dizer que eu vou ficar um bom tempo longe de você?

Lari: É, Justin! Desculpa. Mas eu preciso ver meu irmão e minha família. Acredite se quiser, faz mais de 1 ano que não vejo eles! Então isso é muito importante pra mim.

Justin: Tudo bem, Lari! Eu te entendo. É assim mesmo.

Lari: Vai ficar chateado?

Justin: Claro que não! Apenas com saudades.

Lari: E eu também... mas quando chegar em Atlanta, eu te ligo. Sempre vou estar te ligando, okay?

Justin: Okay! Assim eu fico mais tranquilo.

Lari: Tá bom! Olha... eu vou hoje á noite.

Justin: Já?

Lari: É, Justin! Se quiser me ver mais uma vez, esteja no aeroporto ás nove.

Justin: O.K! Vou estar lá.

Lari: Uhum, tenho que desligar... até mais tarde! Beijos.

Justin: Até mais! Beijos. - disse e ambos desligaram.

Mari: Ai que fofo!

Lari: Quem? O Justin?

Mari: Claro! Se preocupando demais com você. Queria ter um namorado assim.

Lari: Pena que gosta da ameba do Guilherme, né?

Mari: Não! O Guilherme também tem seu lado fofo.

Lari: Qual o lado você não conhece.

Mari: Ninguém é perfeito!

Lari: Sabe qual é a melhor coisa que você deve fazer?

Mari: Qual? - disse curiosa.

Lari: Ir pra sua casa e arrumar sua mala!

Mari: O.K! Você vai fazer o mesmo?

Lari: Aham! Com certeza.

Mari: Então estou vazando... bye! Até daqui á pouco. - disse indo até a porta.

Lari: BYE. Até mais! - disse e ela saiu. Subi pro meu quarto e arrumei minhas coisas, depois fui tomar um banho quente e aconchegante, terminei, me arrumei e desci.

 No aeroporto...

Mari: Vamos, Lari! Está na hora.

Lari: O Justin... ele não chegou.

Mari: Deixa o Justin! Nós temos que entrar no avião.

Moça: Última chamada para o vôo 2410, sentido Atlanta.

Lari: Olha ele ali! - disse apontando com os olhos, Justin estava correndo, quando chegou até mim, me abraçou.

Justin: Desculpa a demora! - ele pegou nas minhas mãos.

Lari: Tudo bem... - sorri e beijei ele. Aquilo era mágico pra mim! Parei. - agora eu tenho que ir!

Justin: - ele colocou a mão no meu rosto e ficou me dando selinhos - Tá bom! Olha... quando estiver em Atlanta e for me ligar, manda uma mensagem primeiro, eu vou fazer o mesmo. E se eu não responder, é que estou no treino! - ele disse sorrindo.

Lari: Tudo bem! Mas agora eu preciso muito ir. - disse e dei o último selinho nele - Tchau! - fui andando com a Mari e acenei.

Justin: Tchau! - ele acenou também.

Mari: Vamos, Lari! - ela foi andando rápido na frente.

Lari: Me espera! - andei atrás dela. Entramos no avião e sentamos em nossas poltronas, a minha foi do lado dela. Ainda bem! :) A viagem foi longa e chata, eu não dormi nada, só fiquei pensando em como o Ryan pode estar. Quando o avião pousou, eu chamei a Mari que estava cochilando, saímos do avião e fomos pegar nossas malas, pegamos, saímos do aeroporto e pegamos um táxi, fomos para um Hotel.

(...)

Mari: Sua mãe pelo menos disse em qual hospital ele está?

Lari: Disse! Então, como ele está fazendo intercâmbio, ele está com uma família e com certeza essa família está com ele.

Mari: Tá, mas como você vai no hospital? Você nunca veio aqui!

Lari: Tá me chamando de burra? Claro que eu já vim aqui e sei muito bem onde é o Hospital.

Mari: Tá bom! Já ligou pro Justin?

Lari: Ainda não... que horas deve ser lá?

Mari: Três da tarde? Só pode!

Lari: Vou mandar uma mensagem pra ele primeiro... - disse e peguei meu celular, mandei "oooooie! O que está fazendo?" - Tomara que ele responda!

Mari: TÁ! Você deixou a chave do seu AP com o porteiro?

Lari: Aham! Pro Guilherme pegar.

Mari: O que ele deve estar fazendo agora?

Lari: Não faço a mínima ideia.

Continua! com 3 comentários...

domingo, 15 de julho de 2012

Pick Me - 4ª Temp. - Part. 9 - Chegamos!

Antes(...) Jasmine: Você vai escrever o que no meu braço?
Justin: Vai logo. - peguei o braço dela e escrevi  "J+J= Love Forever" e em volta fiz um coração, ela gritou demais, quando eu terminei, dei um selinho nela.
Jasmine: Ai' olha o sangue! - ela disse e nós rimos.
Justin: A campainha está tocando, vai ficar ai? - disse indo até a porta.
Jasmine: Nem morta! Quero meu bucks. - ela disse e saiu correndo.

                                                     ...

Agora...


Quarta-feira, 14 de agosto de 2013, E.U.A - Geórgia, ás 12:38min.


P.O.V Jasmine

  Saímos do avião e fomos pra sala  de desembarque, chegamos lá e logo vi Pattie, Jeremy, Andressa, Wallace, Katy e Kate. Estava quase todo mundo lá! Justin e eu fomos andando até eles. A primeira pessoa que eu abracei foi quem?

Jasmine: Que saudades, tia...

Katy: Também estava com saudades! - aprendeu comigo! hihi' - Eaí, como foi? Se divertiram bastante?

Justin: Você nem imagina. - ele disse ironicamente e todos riram.

Andressa: Pelo jeito vocês se divertiram bastante, né? - ela sussurrou no meu ouvido enquanto eu a abraçava e eu ri.

Pattie: Sei bem como vocês se divertiram! - ela disse ironicamente e riu.

Jasmine: Nós não fizemos nada de mal. - eu disse rindo.

Jeremy: Então tá, é melhor irmos embora!

  Fizemos o que meu sogrinho tinha dito, fomos embora, eu fui pro meu apartamento com a Katy e Andressa, Wallace tinha ido embora e Justin também. Chegamos lá, eu coloquei minhas malas no quarto e elas estavam animadas pra começarem com as perguntas.

Andressa: Conta logo o que aconteceu nessa sua Lua de mel!

Jasmine: Como assim? Foi normal.

Katy: Jasmine, você não engana ninguém... muito menos á nós. Então desembuxa!

Jasmine: O que acontece em uma Lua de mel? - disse ironicamente.

Andressa: SEXO! oooooh'

Katy: É, isso não é novidade, mas você usou preservativo? - ela disse olhando pra mim preocupada.

Jasmine: Ahn... eu não, mas ele eu não sei. - disse revirando os olhos.

Andressa: Oh My God!

Katy: Jasmine! E se você ficar grávida?

Jasmine: Eu não vou ficar grávida, por que a minha primeira vez ele também não usou. Nunca fiquei grávida!

Andressa: E se você for... - ela foi interrompida.

Katy: Vira essa boca pra lá, menina!

Jasmine: Eu também pensei que estava estérea, mas agora eu to confusa.

Andressa: Tomara que não seja!

Katy: A única coisa que você deve fazer é um exame.

Jasmine: NÃO! Não quero fazer exame nenhum!

Katy: Você tem que fazer de qualquer jeito.

Jasmine: Mas eu não quero. E se eu for mesmo estérea? O Justin disse que quer ter muitos filhos! Eu não vou poder fazer o gosto dele. - eu disse já chorando.

Andressa: Para de chorar, amiga! Você não é estérea, okay? - ela disse limpando minhas lágrimas e me abraçou.

Jasmine: Tá bom! Eu vou fazer o exame.

Katy: É bom mesmo...

Jasmine: Mas se eu for estérea, não vou contar pro Justin agora!

  Horas depois...


Justin me disse que tinha comprado uma mansão aqui em Geórgia mesmo, estamos indo pra lá agora.

Justin: Chegamos! - ele parou o carro e depois olhou pra mim.

Jasmine: Qual casa, que é?

Justin: Essa aqui do lado! - ele disse e olhamos pro lado.

Jasmine: Nossa! Que casa linda.

Justin: É que você ainda não viu dentro... - ele disse saindo do carro, depois abriu a porta pra mim - Vem comigo! - ele pegou na minha mão e eu sai, ele fechou a porta e andamos até a casa - Quer abrir? - ele disse me entregando a chave.

Jasmine: Claro! - eu sorri pegando a chave, abri a porta e vi o paraíso - Oh' Meu Deus! Que casa perfeita. - disse entrando e Justin entrou atrás, depois fechou a porta.

Justin: Não disse? - ele pegou na minha mão - Vamos conhecer o nosso quarto! - ele disse sorrindo.

Jasmine: Vamos. - sorri e saímos andando, fomos lá pra cima, entramos no quarto e eu logo me deitei na cama, o quarto é lindo!

Justin: Eaí, gostou? - ele disse se deitando do meu lado.

Jasmine: Amei! - olhei pra ele - Que tal extrearmos essa cama? - disse sorrindo maliciosamente.

Justin: É pra já - ele chegou mais perto de mim e me beijou bruscamente, depois ficou por cima de mim, ele acariciava o meu corpo com uma mão e a outra o meu rosto. Já eu, estava com uma mão na nuca dele e a outra nas costas dele, aquilo estava muito bom! O beijo estava bastante quente.

(Atenção: Pessoas que não gostam de parte HOT, não leia, e você ai que está louca pra ler, não leia se alguém estiver atrás ou do seu lado, flw? Espero que gostem! )


Jasmine: - parei o beijo e tirei minha blusa, depois meu shorts, Justin fez o mesmo e continuou me beijando, estava muito melhor, eu estava quase nua e sentindo o corpo dele, então aquilo tudo me deixou cheia de tesão - Justin,  eu não aguento mais... anda logo!

Justin: Okay! Eu coloco camisinha ou não?

Jasmine: NÃO. Eu quero te sentir por inteiro! Vai logo baby...

Justin: Haha' tá bom! - ele disse sorrindo e tirou a cueca, enquanto isso tirei minha calcinha e em seguida ele me penetrou fortemente.

Jasmine: AAAAAAAAAAAAAAAAH' SEU GOSTOSO! - gritei gemendo. Ele sorriu e ficou fazendo os movimentos "vai e vem", eu gemia alto demais! Enquanto ele me penetrava resolveu me beijar, ele me entocava e eu gemia entre o beijo depois; ai ele tirou meu sutiã e começou a chupar e sugar meus seios, ele adora me dar prazer em dobro, é incrível! *-* Aquelas sugadas estavam boas demais... ele ficou assim por um tempo indeterminado, mas logo parou e queria que eu lhe desse prazer. Me levantei e ele se sentou, me agachei na frente dele e peguei naquele pênis gostoso, apertei um pouco e coloquei em minha boca, chupei e suguei com muita vontade, Justin gemia bastante, aquilo tudo que eu fazia, me deixava cada vez mais louca! Meu tempo indeterminado acabou e eu parei, só que ele não gostou. Então eu me deitei na cama e ele gozou, depois deitou na cama ao meu encontro, coloquei a mão em seu rosto e o beijei; ai ele foi encostando o seu corpo bem perto do meu, coloquei uma mão em suas costas e outra na nuca; ele fez o mesmo comigo. Sinceramente? Aquilo era bom! Meus seios sentiam o peitoral musculoso e sexy dele e seu pênis estava roçando em minha intimidade, me fazendo ficar louca... eu dava leves suspiros entre o beijo, queria mais, muito mais! Justin percebeu e me penetrou de novo, as entocadas dele estavam fortes, bem forte e eu gemia alto, muito mais muito alto! Os movimentos estavam  rápidos e fortes, estava bom demais... depois eu fiz um sinal pra que ele parasse, ele se deitou do meu lado e disse.

Justin: Que foi?

Jasmine: Cansei! Vamos dormir? - disse abraçando ele.

Justin: Tá bom! - ele disse e me abraço nos cobrindo, fechei os olhos e logo adormeci.


Continua! com 3 comentários...


  É mesninas, tem coisas tensas acontecendo, vocês perceberam? Tem muita coisa por vir, muita coisa mesmo e creio que nenhuma de vocês vão gostar, mas vou dar o melhor de mim, mesmo eu já tendo terminado a 4ª e 5ª temporada. MAS espero que vocês tenham gostado desse capítulo! :) Faltam 3 capítulos pra acabar essa temporada, mas como eu disse, eu espero que vocês gostem do meu desempenho, porque a 5ª temporada vai ser muito mais longa do que as outras que eu fiz de Pick Me, sério mesmo. ENTÃO, vamos logo colocar um FIM nisso, continuo com os comentários pedidos e por favor, digam o que acharam, se estão gostando e essas coisas. Enfim, só isso que eu tenho a dizer. Xoxo Mariih' :*

sábado, 14 de julho de 2012

Follies Of Love 13º (Vamos pra USA.)


 Minutos depois...
*Campainha toca*

Lari: Deve ser o Gui! Vou atender. - me levantei e fui até a porta, logo abri - oooooooi Gui! - disse e abracei ele.

Gui: oooooi Lari! Está tão feliz, por quê? - ele disse entrando e eu fechei a porta.

Lari: Você não vai querer saber... mas eu e a Mari temos que te contar uma coisa. - disse levando ele até o sofá, nos sentamos e a Mari apareceu.

Mari: Eu ouvi meu nominho? Mari Araújo se apresentando aqui! - ela disse toda animada e se juntou a nós.

Gui: MEU DEUS! Vocês estão me assustando. Por que estão felizes?

Lari: É que nós resolvemos ir pra Minas.

Gui: COMO ASSIM IR PRA MINAS? FICARAM DOIDAS?

Mari: Calma homem... deixa ela explicar.

Lari: Okay! Nós só vamos visitar nosso parentes. Tipo, faz tempo que eu não vejo minha mãe e meu pai! E a Mari vai ver as tias e as primas dela.

Gui: Você falou primas? - ele disse sorrindo maliciosamente.

Mari: Minhas primas não são pro seu bico não, viu?

Gui: Qualé Mari, você não vai rever suas primas?

Mari: Aham!

Gui: Então ala de mim pra elas.

Mari: Bem ou mal?

Gui: Bem, né!?

Mari: aaaah' vai saber!

Lari: Acabaram?

Gui: Quando vocês pretendem ir...?

Mari: Sexta-feira!

Lari: É, acho que vamos ficar lá uns 3 dias.

Gui: Ah' e você vai deixar a chave do seu AP comigo?

Mari: NÃO! Eu vou dar a chave daqui que eu tenho pra você. Mas é só quando irmos pra lá.

Lari: Aham! E... eu tenho que contar outra coisa.

Gui: Que coisa?

Lari: Eu to namorando!

Gui: Com quem?

Lari: Com o Justin. Mas não é um namoro pra valer mesmo, isso é só depois.

Gui: aaah' tá! - ele sorriu fraco - Me chamou só pra falar isso?

Lari: NÃO! Qualé Guilherme, tá bravo só por que disse que estou namorando com o Justin?

Mari: Pra que ele ia ficar bravo?

Lari: Não sei! Me diz você. - olhei pra ele.

Gui: Eu não to bravo, você fica com quem você quiser. QUE SACO! - ele disse emburrado.

Lari: Desculpa aê, mermão! Tá muito estressado pro meu gosto. Aconteceu alguma coisa?

Gui: Não aconteceu nada!

Mari: Quando você fala assim é porque aconteceu.

Lari: Fala logo o que aconteceu!

Gui: Se eu ficar calado vocês vão me impressionar com isso?

Lari: Com toda a certeza do mundo! Então conta.

Gui: Não vou contar nada! Vou embora. - ele se levantou e saiu andando.

Lari: GUILHERME! VOLTA AQUI. - sai atrás dele.

Gui: Me deixa, Larissa! - ele parou.

Lari: Fala a verdade pra mim?

Gui: O negócio não é comigo, então eu não vou falar nada.

Lari: E porque não? É com quem?

Gui: Eu não sei como falar isso... é com o seu irmão!

Lari: MEU IRMÃO? O QUE TEM ELE?

Mari: É, o que tem ele?

Gui: Ele sofreu um acidente enquanto falava com a sua mãe.

Lari: Minha mãe? Oh Meu Deus! Eu vou ter um treco. - disse com a mão na cabeça.

Mari: Calma, Larissa!

Lari: O que aconteceu com ele?

Gui: Foi acidente de carro.

Lari: Quando que foi isso?

Gui: Antes de ontem. Sua mãe ligou pra minha ontem pra dizer isso!

Lari: Eu tenho que ligar pra ela agora... - me joguei no sofá e peguei o telefone.

Gui: To indo embora! Tchau. - ele disse saindo.

Mari: Lari, fica calma! Sem pressa.

Lari: TÁ! - disse e disquei os números, um tempo depois atenderam - Alô?

(...)

Lari: É a Larissa, eu queria falar com a Melaine, minha mãe.

(...)

Lari: Isso mesmo! Ela está?

(...)

Lari: Obrigada!

(...)

Lari: Oi mãe, sou eu mesma!

(...)

Lari: É que o Guilherme, meu amigo, me disse o que aconteceu com o Ryan.

(...)

Lari: Mãe! Eu fiquei preocupada com o meu irmão.

(...)

Lari: Eu tenho muita coisa na cabeça, tá? Estava até pensando em ir ai com a Mari, minha amiga.

(...)

Lari: Você me odeia, né?

(...)

Lari: Okay! Eu sei que errei, mas quero saber como o Ryan está.

(...)

Lari: Não vai me dizer? Tudo bem! Eu chego ai amanhã mesmo.

(...)

Lari: Estados Unidos? Ainda?

(...)

Lari: Então eu vou pra lá! Bye bye. - ambos desligaram - Ela me odeia... - disse me deitando no sofá.

Mari: Sinto muito, Lari. E seu irmão, como está?

Lari: Ela não quis me dizer, mas ele ainda está nos Estados Unidos.

Mari: E você vai pra lá?

Lari: Claro! Você vai comigo.

Mari: Pra USA?

Lari: Aham! Vamos hoje de noite.

Mari: Então vamos logo comprar as passagens.

Lari: Espera... você falou com os seus pais?

Mari: Sobre a viagem? Claro que falei! Eles deixaram na boa.

Lari: Mas agora é diferente, vamos pra USA.

Mari: Então vamos pra minha casa falar pra eles, depois a gente vai ou não comprar as passagens.

Lari: Okay! Vamos. - disse me levantando do sofá - Vou pegar minha bolsa. - subi pro meu quarto e peguei a bolsa, depois desci e fomos pro AP da Mari.

Continua! com 3 comentários...

terça-feira, 10 de julho de 2012

Pick Me - 4ª Temp. - Part. 8 - Mais uma noite perfeita...

Antes(...) Jasmine: Se você me arrebentar, não vai ter graça fazer sexo.
Justin: TÁ BOM! - disse e fui andando pra trás - Vamos jogar mais uma?
Jasmine: Sem aposta, pelo amor de Deus!
Justin: Eu amo Deus, então não vai ter aposta, só por diversão mesmo!

                                                            ...

Agora...


De noite...    P.O.V Jasmine

Jasmine: Eaí, o que quer fazer? - eu disse fazendo perna de índio e coloquei a cabeça no ombro de Justin.

Justin: Sei lá! Que tal uns beijinhos? - ele disse olhando pra mim e sorriu.

Jasmine: Ai eu gostei... - eu sorri e dei um selinho nele, coloquei a mão em sua nuca e me sentei no colo dele, continuei dando vários selinhos nele, mas ele parou e me beijou, um beijo calmo e lento, sem pressa alguma.

Justin: - ele colocou a mão em meu bumbum e aumentou a velocidade do beijo, estava rápido e HOT, quando o fôlego estava acabando, ele parou - WOW! Amei isso. - ele disse sorrindo.

Jasmine: Oh My Bieber! - disse lambendo os lábios.

Justin: Vamos pro quarto?

Jasmine: Pra quê? - estranhei.

Justin: Lembra da nossa aposta? Eu ganhei! Então vamos cumprí-la agora. - ele disse com cara de safado.

Jasmine: Tem que ser mesmo até amanhecer? - fiz bico.

Justin: Aposta é aposta, shawty! - ele sorriu.

Jasmine: Okay! Let's go. - disse me levantando e estendi a mão, ele pegou a mesma e se levantou, fomos pro quarto e quando chegamos ele abriu a porta, aquilo que eu vi não era real, não mesmo! - OMG' que isso? - disse procurando o Bieber, mas ele não estava mais lá, tinha que ser! '-' Entrei no quarto e fui em direção à cama, lá tinha uma lingerie preta, sexy demais. Olhei pro chão e o que tinha nele? MEL! Mel por todo o quarto. Bem que ele disse que ia ser Lua Melada! O quarto estava escuro e cheio de velas, como na nossa primeira vez, só mudou por causa do mel. Peguei a lingerie e entrei no banheiro, coloquei ela e dei uma arrumada no meu cabelo, depois sai do banheiro e lá estava o Bieber, fiz uma pose sexy e ele olhou pra mim, estava deitado na cama e com as pernas abertas.

Justin: NOSSA... tá gostosa demais! - ele disse se levantando e veio em minha direção.

Jasmine: Estou, é? Você vai ver depois! - eu disse sorrindo e ele chegou mais perto colocando sua mão em minha cintura e meu corpo bem colado ao dele - Pra que colocou mel no chão? - eu disse rindo.

Justin: Lua de mel tem que ter mel!

Jasmine: E você gosta de mel?

Justin: Com certeza! Quem não gosta?

Jasmine: Sei lá! Mas eu não quero sujar meus pés de mel. - fiz bico.

Justin: Tem problema não! Eu te carrego no colo.

Jasmine: Melhor! - olhei pra baixo e coloquei meus pés em cima dos dele, depois o abracei, como eu fiquei mais alta, ele ficou olhando pros meus seios.

Justin: Minha visão aqui está ótima! - ele disse com cara de safado.

Jasmine: Bobo! Anda logo.

Justin: - ele deu um passo - Você é pesada, sabia?

Jasmine: Quem disse? Eu estou me alimentando muito bem agora! - disse sorrindo.

Justin: Alimentos saudáveis ? - ele deu outro passo.

Jasmine: Sim! A Jazzy me ajudou, porque se fosse por conta própria, eu não ia fazer isso nunca. - eu disse rindo.

Justin: Never Say Never, shawty... - ele disse e sorriu olhando pra mim.

Jasmine: Eu adoro quando você me chama assim!

Justin: Ai minha gatinha gostosa, gosta! - ele disse cantarolando e eu ri, depois ele se sentou na cama e eu abracei a cintura dele com as pernas, ai ele me beijou, deitei ele na cama e fiquei por cima, só beijos não dá! Ficamos sem fôlego e ele parou, ficou por cima de mim e arrancou minha lingerie por inteira, deu um sorriso básico e começou a chupar meus seios, ele chupava e sugava com uma vontade intensa, aquilo me deixou louquinha de tesão! Ele passava aquela língua gostosa dele sobre meus seios, isso é bom demais. Então eu vi uma jarra em cima de um bagulho ali do lado cheia de mel, peguei e o Justin parou, joguei o mel em mim e coloquei a jarra onde estava, ele se surpreendeu, mas logo sacou o que eu queria. Ele começou a me lamber em todo o lugar que tinha o mel, o Bieber não parou até que o mel acabasse e quando acabou, ele me deu um beijo lento, senti todo aquele gostinho de mel, gosto bom! Parou e foi me lambendo de novo até sua língua ter encontro com minha vagina, ele abriu minhas pernas e dei um chupão em meu clitóris que eu gemi, ele chupava e sugava minha vagina inteirinha, tem coisa melhor? TEM! ;s O cara ficou muito tempo me chupando e eu só lá gemendo, então eu disse que ia gozar e ele parou. Gozei! :) Depois do liquidinho ter saído, ele subiu em cima de mim e me dei uma penetrada monstra, véy! Se liga só, eu gemi alto pra caralho. Claro que aquilo foi bom demais, ele fazia os movimentos "vai e vem", como sempre. O Justin queria mesmo cumprir aquela aposta de fazer sexo até o amanhecer. É demais pra mim! Mas eu aguentei firme e forte. Ele me penetrava na frente e atrás, eu gemia muito! Ficamos a madrugada inteira em três posições: ele me penetrando na frente, atrás e eu rebolando em cima dele. Tava bom pur dimais... ^^ então uma hora ele parou e continuamos debaixo das cobertas, parecia vício! Quando deu 5 horas da manhã, nós fomos tomar um banho, lá as oral foram monstra, era gozo pra todo o lado! Chupadas hiper monstras, que eu dei naquele pênis gostoso dele... cê é loko! Aquele banho foi maravilhoso! Deu 6 horas, já tinha amanhecido e nós saímos de lá, trocamos de roupa e depois fomos dormir.

 No mesmo dia mais tarde... 10/08/2013.

P.O.V Justin

  Acordei do nada. Ainda estava abraçado com a Jasmine, não queria acordá-la, então me afastei aos poucos, depois sai da cama e entrei no banheiro, tomei um banho rápido e troquei de roupa, depois sai do banheiro, Jasmine já estava acordada e estava arrumando o cabelo, cheguei por trás, coloquei a mão na cintura dela e fiquei beijando seu pescoço.

Jasmine: Aie' ta fazendo cosquinha! - ela disse rindo e se virou.

Justin: Tá gostosa! - disse olhando pra ela de cima até em baixo com cara de safado.

Jasmine: Bobo! - ela sorriu.

Justin: O bobo que você ama... - disse e dei um beijo na bochecha dela.

Jasmine: Ai gostoso, deixa eu trocar de roupa, deixa? - ela disse fazendo bico.

Justin: Eu to te atrapalhando?

Jasmine: Desculpa, mas sim!

Justin: Okay! To saindo. Vou pedir bucks pra gente. - disse indo até a porta e ela assentiu, depois sai indo pra sala, liguei pro Starbucks e fiz meu pedido, quando desliguei o telefone a Jasmine apareceu - Nossa shawty, tá gata demais! Que isso... - eu disse sorrindo e ela riu.

Jasmine: Ai Justin, como você é bobo! - ela se sentou do meu lado no sofá.

Justin: Você já disse isso hoje!

Jasmine: É mesmo... você só fala coisas bobas, por isso que eu falo.

Justin: Eu não sou mais bobo do que o Bob Sponja, né? O próprio nome dele diz: Bob, bobo. - eu disse e ela começou a rir.

Jasmine: Viu? Só fala bobagem!

Justin: Vamos parar e tirar uma foto?

Jasmine: Demorou, vamos lá! - ela disse e eu tirei uma foto de nós.

Justin: Pronto! Olha aí. - disse mostrando a foto pra ela.

Jasmine: Fiquei gata!

Justin: Ficamos, você quis dizer.

Jasmine: Ficamos gatas? - ela disse rindo.

Justin: Okay! Tu venceu.

Jasmine: Tá, e o bucks? - ela disse animada.

Justin: Eu acabei de ligar pra fazer o pedido.

Jasmine: Até chegar o que a gente faz?

Justin: Uma loucura! - eu sorri.

Jasmine: Bateu com a cabeça, foi?

Justin: Não! É uma loucura mínima.

Jasmine: Depende...

Justin: Vem comigo! - peguei na mão dela e a levei até o quarto, chegamos lá, ela se sentou na cama e eu fui procurar um estilete, quando achei, me sentei do lado dela.

Jasmine: O que você vai fazer com isso? - nos deitamos na cama.

Justin: Me dá seu braço que eu te explico!

Jasmine: O que você vai fazer?

Justin: Celebrar nosso amor!

Jasmine: Você vai escrever o que no meu braço?

Justin: Vai logo. - peguei o braço dela e escrevi  "J+J= Love Forever" e em volta fiz um coração, ela gritou demais, quando eu terminei, dei um selinho nela.

Jasmine: Ai' olha o sangue! - ela disse e nós rimos.

Justin: A campainha está tocando, vai ficar ai? - disse indo até a porta.

Jasmine: Nem morta! Quero meu bucks. - ela disse e saiu correndo.

                                                     ...

Continua! com 3 comentários...


   Oi pessoas lindas do meu s2' kkkkk sem graça. Ai, gostaram desse capítulo? O que acharam, plmds? Viu que eu coloquei o nome do blog na história? Tá, mas o nome do blog eu coloquei depois disso, ai não vem ao caso. Quero saber se vocês estão gostando... ta quase acabando essa temporada, tem só mais 4 capítulos e BAM, 5 temporada, que eu ainda não acabei, mas com certeza, vou demorar pra postar. ENTÃO, eu disse que ia viajar, né? Eu acho que não. Tipo assim, se eu for, vai ser só semana que vem, ai eu vou voltar daqui 2 semanas e não sei o que vai acontecer, é melhor eu não dizer mais nada. =) Espero que tenham gostado de verdade! Xoxo Mariih' :*

segunda-feira, 9 de julho de 2012

Resposta da enquete =)

 ooooooooooooooi gente! Tudo bem?
 Título: Resposta da enquete.
 ISSO AÍ!
 A enquete teve 14 votos.
A maioria votou em Never Stop Loving You.
6 votos.
Mas não é a certa... =/
Love And Hate.
1 voto.
Pick Me
2 votos.
All I Want For Christmas Is You
Nenhum voto. =/
Cousin And Vacation.
1 voto.
Love a Criminal
1 voto.
Follies Of Love
3 votos.
Hum.... vocês erraram!
A história que teve mais votos foi Never Stop Loving You. =)
Mas a certa é PICK ME.
E sabe por quê?
É, eu não sei explicar...
Só que vocês perceberam que eu só coloco um recado quando posto Pick Me?
É porque eu amo escrever Pick Me, amo a história, amo os personagens, amo tudo.
O nome da história, ainda mais. 
Sempre que eu ouço essa música do Justin, eu lembro da minha história, Justin&Jasmine. *-*
Mas então, espero que a outra pessoa que votou em Pick Me, leia a história.
Porque a Dona Andressa acertou, ela tem cuca. 
Lembra das coisas, coisas que nem eu lembro ou lembrava.
OKAY! Encerrando o Windows...
Eu postei no twitter também o resultado, se quiserem ver.
É só isso o que eu tenho pra dizer.
Amanhã eu posto o próximo capítulo de Pick Me, flw?
Até mais.
Xoxo Mariih' :*